Os vínculos na primeira infância

Os vínculos na primeira infância

Colégio Pentágono

24 de maio de 2017 | 08h05

Olhar nos olhos, sorrir e dar colo para uma criança é tão fundamental quanto mantê-la alimentada, limpa e descansada. Isso porque, quando os sinais de desconforto de uma criança são atendidos de forma sensível, o vínculo entre ela e o seu cuidador vai se formando. E é por meio de um vínculo seguro que a criança desenvolve sua integridade física, emocional e relacional, sua autonomia e independência.

Quando a mãe, o pai ou o adulto responsável garantem que as necessidades físicas da criança sejam atendidas com carinho e dedicação, ela cresce forte e saudável, além de emocionalmente segura e respeitada como indivíduo. Essa base sólida também é fundamental para a construção de valores e de habilidades relacionadas à aprendizagem e às interações sociais.

À medida que a criança se sente acolhida, ela é capaz de desenvolver sua autonomia e independência, pois sabe que, ao se arriscar em novas conquistas, terá sempre uma base segura para onde retornar no caso de sofrimentos e decepções. Essa segurança afetiva é essencial inclusive quando os próprios pais e educadores são os agentes de frustração, vivência necessária que ajuda a criança a construir a sua tolerância.

Nesse sentido, instituições de Educação Infantil se apresentam como o principal parceiro da família no que diz respeito à educação e ao cuidado da criança nos primeiros anos de vida. Por isso, a parceria entre família e escola é indispensável para promover vínculos que possam impactar positivamente o seu desenvolvimento.

No Colégio Pentágono, a Parceria com as famílias é um dos valores mais relevantes para a efetivação do seu projeto educativo. Essa parceria começa com a confiança dos pais na instituição e se estreita com a participação em reuniões formais e informais, em eventos e encontros formativos, como palestras sobre temas da educação. Dessa maneira, juntos, escola e família garantem um vínculo seguro e uma base sólida para que os alunos alcancem um pleno desenvolvimento em sua trajetória acadêmica.

Julia Contier Fares
Orientadora Educacional da Educação Infantil do Colégio Pentágono

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: