Os benefícios das atividades esportivas extracurriculares

Os benefícios das atividades esportivas extracurriculares

Colégio Pentágono

07 Junho 2017 | 08h35

Com a grande demanda e as dificuldades das famílias para organizar a rotina de seus filhos, torna-se cada vez mais importante o papel das instituições de ensino de oferecer a oportunidade aos seus alunos, através das aulas extras, para vivenciar a prática esportiva no interior dos colégios. Antevendo essa necessidade, a ideia de montar uma escola de esportes tomou forma no Colégio Pentágono em 1981, tornando-o uma das instituições de ensino pioneiras na introdução desse formato, uma vez que, na época, a possibilidade da prática esportiva,com a formação de equipes de treinamento para a disputa de torneios, só existia em clubes.

A inclusão das atividades esportivas no conteúdo extracurricular do nosso colégio é baseada na crença de que, com a prática dos esportes, o indivíduo terá um grande benefício para o seu desenvolvimento biopsicossocial.

Conhecer seus limites e possibilidades, desenvolver o autocontrole, aprender a ganhar e a perder, respeitar as regras, os companheiros e os adversários, além de aprender as especificidades de cada modalidade, são pontos trabalhados durante as atividades.

No estágio inicial, desenvolvemos atividades formativas e recreativas, em que o aluno participa de uma maneira alegre e descontraída, recebendo as informações de forma lúdica. Propiciamos ao aluno o prazer de jogar desinteressada e livremente, em uma ação que o aproxima do outro sem muito compromisso com as técnicas ou regras da modalidade praticada.

Posteriormente, iniciamos um trabalho esportivo com a introdução de regras adaptadas e  com orientações mais detalhadas dos fundamentos básicos de cada modalidade, regulando e dosando o esforço de acordo com as possibilidades de cada um, permitindo o aperfeiçoamento e ampliando o seu repertório motor.

Em seguida, o aluno passa a receber orientações técnicas e táticas definidas, podendo, a partir deste estágio, vir a participar das equipes representativas do colégio em festivais e campeonatos.

Sabemos que, apesar de todo o vínculo gerado entre a família, os professores e os alunos que praticam esportes no colégio, em jogos e apresentações, as emoções afloram e nem sempre os resultados acontecem da maneira sonhada. Nestes casos, as emoções precisam ser muito bem trabalhadas em conjunto entre a família, os alunos e o colégio, pois acreditamos que aprender a lidar com as frustrações seja mais uma oportunidade oferecida pelo esporte para fortalecer os nossos alunos no processo educativo de amadurecimento.

Attílio Martorelli
Técnico de Futebol e Coordenador de Esportes do Colégio Pentágono