Imunologia dentro da sala de aula: aprendendo sobre o intrigante sistema imune

Imunologia dentro da sala de aula: aprendendo sobre o intrigante sistema imune

Colégio Pentágono

20 de abril de 2022 | 09h51

Por Roberta Neves Gago Rodrigues*

Nos últimos dois anos nos acostumamos a ouvir, e acabamos por incorporar em nosso vocabulário cotidiano, termos como linfócitos, antígenos e anticorpos. O cenário da pandemia da COVID-19 trouxe ao noticiário um protagonista fundamental, diligente e encantador: o sistema imune.

A imunologia é uma ciência relativamente recente, com suas origens remetendo ao final do século XVIII e habitualmente atribuídas a Edward Jenner, o criador da primeira vacina da história, contra varíola. De forma simplificada, a imunologia é o estudo das defesas de um organismo, com o sistema imune composto por um conjunto de moléculas, células, tecidos, órgãos que executam uma resposta coordenada como forma de defesa contra invasores e/ou substâncias consideradas estranhas. Ou seja, a parte do nosso corpo que batalha contra vírus e bactérias quando ficamos doentes.

O Colégio Pentágono, sempre atento à formação de seus alunos, oferece aos estudantes do Ensino Médio, o curso “Vírus? Bactérias? Alergias? A compreensão do sistema imunológico e as questões de saúde pública”. Nesta disciplina eletiva, oferecida semestralmente a todos os alunos da rede, os estudantes aprendem conceitos básicos de imunologia e suas aplicações, relacionando-as também à questões importantes de saúde pública, sempre muito relevantes, especialmente nos dias de hoje. 

Durante as aulas, são abordados profundamente os detalhes de diversos aspectos que compõem esse mundo do sistema imune como células, órgãos, antígenos, anticorpos e as respostas imunes contra vírus e bactérias. 

Outros temas de importância na área também são explorados são as vacinas e soros em todas suas variações e tipos, , hipersensibilidades – as famosas alergias-, as imunodeficiências genéticas ou adquiridas, , imunologia de tumores e as doenças autoimunes. Com base na ciência e acontecimentos da atualidade, eles compreendem os motivos de ações como lockdown, distanciamento social, uso de equipamentos de proteção, higienização das mãos e, o mais importante, o desenvolvimento de vacinas.

Priorizando metodologias ativas e recursos de tecnologia da educação, os alunos tornam-se autores da sua aprendizagem, permitindo que adquiram conhecimentos e ferramentas para que possam compreender o funcionamento deste incrível sistema, além de discutir, com propriedade, os assuntos envolvendo o sistema imune em si e as questões de saúde e políticas públicas a ele relacionado, refletindo três “vértices” do Colégio Pentágono: excelência acadêmica, cidadão do mundo e formação do indivíduo.

Fonte: Imunologia – Janeway – 8ª Edição

Roberta Neves Gago Rodrigues é Professora de Ciências e Biologia do Colégio Pentágono

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.