Aluno do Colégio Palmares apresenta robô para resgates no maior evento de robótica da América Latina

Aluno do Colégio Palmares apresenta robô para resgates no maior evento de robótica da América Latina

Roberta Vianna

25 de outubro de 2019 | 14h44

Aluno do 2° ano do Ensino Médio, o jovem Felipe Catapano divide o tempo entre os estudos para o vestibular e a criação de robôs com inteligência artificial capazes de colaborar no resgate de vítimas. Aluno do Colégio Palmares, em São Paulo, já tinha contato com a robótica e se aprofundou durante o curso extracurricular oferecido pela instituição semanalmente, o que já levou o estudante longe – o campeonato mundial na Austrália onde conquistou o 8° lugar, melhor classificação do Brasil na história do evento.

Agora, Felipe Catapano está em busca de uma vaga para o mundial que acontecerá na França no próximo ano. Por isso, acompanhado pelo professor de robótica do Colégio, Marcelo Salles, que o acompanha desde quando ingresso no curso, o estudante está no Rio Grande do Sul para participar do maior evento temático de Robótica da América Latina, que reúne a Olimpíada Brasileira de Robótica, do Campeonato Brasileiro de Robótica, da Competição Latino-Americana de Robótica e da Mostra Nacional de Robótica.

O paulistano competirá na categoria “RoboCupJunior Rescue Maze” junto ao estudante Gabriel Salles, da ETEC São Caetano. Nesse grupo, o objetivo é construir e programar robôs  capazes de identificar vítimas em cenários de desastre recriados, variando em níveis de complexidade, desde o acompanhamento de linhas em uma superfície plana até a negociação de caminhos através de obstáculos em terrenos irregulares.

O evento encerra no sábado, 26 de outubro, com a cerimônia de premiação, e espera receber até lá cerca de 10 mil pessoas entre participantes e admiradores da tecnologia.

Tudo o que sabemos sobre:

colégio palmaresrobóticaeducação

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: