Ofélia realiza projeto de revitalização de viela em Higienópolis

Ofélia realiza projeto de revitalização de viela em Higienópolis

Nesta semana, o Ofélia realizou mais uma ação dentro do projeto de revitalização da viela em Higienópolis, localizada ao lado do colégio, que passou por uma intervenção artística e urbana, coordenada pelo artista plástico e cenógrafo Rodrigo Machado.

Ofélia Fonseca

17 Agosto 2018 | 15h56

Estudantes durante a de intervenção na viela (Foto: Divulgação/Ofelia)

Nesta semana, o Ofélia realizou mais uma ação dentro do projeto de revitalização da viela em Higienópolis, localizada ao lado do colégio, que passou por uma intervenção artística e urbana, coordenada pelo artista plástico e cenógrafo Rodrigo Machado.

A ação, realizada como parte das atividades promovidas em comemoração ao aniversário de 97 anos do colégio, foi iniciada no dia 7 de junho, data de fundação do Ofélia.

Intervenção contou com a mentoria do artista e cenógrafo Rodrigo Machado (Foto: Divulgação/Ofelia)

“Estamos orgulhosos desse projeto. Perceber a transformação do espaço e o envolvimento dos estudantes foi muito gratificante. Esse foi apenas o primeiro passo!”, informou a diretora do colégio, Marisa Monteiro.

 

Revitalização de viela em Higienópolis

Intervenção marca o aniversário de 97 anos do colégio Ofélia (Foto: Divulgação/Ofelia)

A ação envolveu a pintura dos muros, que receberam intervenções artísticas realizadas pelos estudantes, além da instalação de 20 casinhas de pássaros e de três bancos, todos confeccionados por Rodrigo Machado.

“A viela estava completamente abandonada e essas intervenções a deixaram muito mais agradável. O cenário antigo era de lixo e mato, e agora temos cor, alegria e muita arte”, completa Marisa.

Viela, ao lado do colégio, ganhou 20 casas de passarinhos (Foto: Divulgação/Ofelia)

Rodrigo Machado destacou o engajamento dos estudantes e do colégio durante todo o processo. “Tanto a direção do colégio, quanto a equipe e os estudantes, foram todos muito receptivos com a ideia e quiseram participar de várias maneiras interessantes. Soubemos aproveitar bem as ideias e os estudantes foram bem criativos”, garantiu.

Estudantes tiveram a oportunidade de reproduzir seus projetos na parede da viela (Foto: Divulgação/Ofelia)

Ainda segundo Rodrigo, a viela está de cara nova e o resultado ficou incrível. “Exploramos as possibilidades e os estudantes tiveram muitas ideias bacanas e conseguiram se expressar bem. Algumas artes ainda serão finalizadas nos próximos dias, mas a turma se empenhou pra resolver a questão e desenvolver projetos acessíveis e criativos”, completou o artista, que garante: “gostei muito de participar desse projeto e estou feliz com a possibilidade de realizar uma segunda etapa, que envolve o paisagismo, que também vai agregar bastante lá no espaço”.

Para a coordenadora pedagógica do Ofélia, Solange Sousa, a atividade confirma os princípios do colégio. “No decorrer desses 97 anos de existência, o Ofélia passou por grandes transformações, se tornando um referencial em educação de interação e de diálogo. O artista plástico propôs aos estudantes o desenvolvimento de um projeto de ocupação artística, em benefício da comunidade da região. E todo esse processo foi muito rico pois constatamos a participação dos estudantes, que se sentiram parte do projeto e puderam atuar de forma protagonista em todas as atividades”, concluiu Solange.

Intervenção mudou a cara da viela (Foto: Divulgação/Ofelia)