Abordagem de San Miniato

Abordagem de San Miniato

Colégio Friburgo

03 Março 2016 | 09h38

A coordenadora da Casinha Pequenina Thaís Schulter viajou, no início do ano, para Itália com a finalidade de concluir o curso de formação avançada da Abordagem de San Miniato para a educação das crianças. Thaís se tornou uma das três representantes no Brasil para a Abordagem Toscana. Está apta a divulgar o processo e desenvolver a Abordagem em nosso país.
O curso foi ministrado por Aldo Fortunati, pedagogo, pesquisador da infância, presidente do Centro de Pesquisa e de Documentação La Bottega di Geppetto, em San Miniato, diretor da área educativa do Istituto degli Inocenti di Firenze, professor do curso de pós graduação da Universidade de Florença e conselheiro sênior do Gruppo Nazionale Nidi Infanza; e Chiara Parrini, psicóloga e psicoterapeuta, professora de educação infantil em San Miniato e colaboradora nas pesquisas e publicações da Bottega di Geppetto.
Aldo foi aluno de Loris Malaguzzi, pedagogo e educador de Régio-Itália que desenvolveu os primeiros conceitos da abordagem. Aldo aprofundou e desenvolveu o projeto de educação de San Miniato que visa a primeira infância e tem como conceito-chave o investimento nas potencialidades das crianças desde os primeiros anos de vida.
A experiência de San Miniato é conhecida e reverenciada em todo o mundo como exemplo a ser seguido.
Na Casinha, aplicamos conceitos da abordagem. Incentivo ao protagonismo, reconhecimento das potencialidades, valorização da identidade, olhar para o que as crianças apresentam em cada situação, são algumas ideias desenvolvidas. A construção é contínua e aplicada de acordo com nossa realidade.
A experiência continua na escola, com aprofundamento e participação de todos.
“A natureza nos presenteia com possibilidades de imensa abertura nos nossos primeiros anos e, com certeza, não o fez para que a escola homogeneizasse e podasse esse imenso potencial. Tem que haver currículo e intenção pedagógica, mas submetidas ao desenvolvimento e potencial das crianças, uma abertura para o inesperado”.
Aldo Fortunati

1ab 2ab 3ab 4ab 5ab 6ab