Diálogo e Diretividade: Como se (des)encontram na nossa prática educativa?

Colégio Equipe

15 Abril 2016 | 07h00

“Como é possível por o educador e o educando num mesmo nível de busca do conhecimento se o primeiro já sabe? Como admitir no educando uma atitude cognoscente, se o seu papel é o de quem aprende do educador?”

(Paulo Freire, em “Comunicação ou Extensão?”)

“Resolvi me contaminar pela realidade. Os alunos me ensinaram como eu devia ensiná-los.”

(Gílson Rampazzo, fundador do Colégio Equipe e Professor de Redação)

SAM_9330

A formação de seus educadores sempre foi uma preocupação do Colégio Equipe. Em nossas reuniões pedagógicas coletivas semanais, além de tratarmos do acompanhamento de alunos e da organização da rotina escolar, criamos condições para que nossos educadores reflitam sobre questões formativas mais amplas como, por exemplo, concepções de educação, o papel do educador, diretrizes curriculares, metodologias de ensino e de avaliação, entre outras. Entretanto, em função das demandas específicas de cada ciclo, a maioria das nossas reuniões está organizada por ciclo, ou seja, fazemos quatro reuniões simultaneamente: Educação Infantil, Ensino Fundamental I, Ensino Fundamental II e Ensino Médio.

SAM_9345

Com a intenção de que os educadores da escola tenham uma visão mais verticalizada do trabalho, uma vez por ano organizamos um evento que nomeamos de “seminário” em que os professores de todos os ciclos se encontram durante um dia todo num sábado. Alguns se inscrevem para apresentar trabalhos, outros escolhem apenas participar dos grupos de discussão. Os grupos são montados de forma que, em todos eles, tenham professores de todos os ciclos e as discussões são acompanhadas pelos coordenadores da escola. Os seminários, neste sentido, buscam criar um espaço de estudo e reflexão que possibilite a problematização das experiências educacionais em sua relação com o currículo da escola, com a cultura e com as principais tendências em educação.

O objetivo principal do Seminário é compartilhar trabalhos realizados na escola e estimular boas conversas entre os educadores. Acreditamos que nessas situações quem compartilha seu trabalho amplia a reflexão sobre ele a partir do diálogo com os colegas. Todos os participantes dos subgrupos de trabalho podem conhecer algumas propostas de outros ciclos e também formular questões sobre sua prática.

Ao discutir nossas práticas, concretizamos o caráter coletivo e autoral do trabalho em nossa escola e podemos identificar desafios que nosso projeto político pedagógico encontra na experiência educacional cotidiana.

SAM_9383

Já nos dedicamos a refletir sobre nossa concepção de educação e sobre o currículo da escola nas diferentes áreas. No ano passado o tema escolhido foi a Metodologia Problematizadora de Ensino e neste ano decidimos aprofundar a temática a partir da questão: Diálogo e Diretividade: Como se (des) encontram na nossa prática educativa?. Entendemos que, a partir dessa escolha, podemos retomar questões fundantes para a configuração do Projeto Político-Pedagógico da Escola. Nosso desafio agora será partilhar relatos reflexivos de situações didáticas em que os educadores reconhecem o diálogo e o aprendizado comum com seus alunos.

Cliquem no

Documento

para conhecer os trabalhos que serão discutidos em 16/04/2016 no Colégio Equipe.