Os exames DELE de Español – Como e quando posso fazer as provas?

Os exames DELE de Español – Como e quando posso fazer as provas?

Colégio Bandeirantes

25 Novembro 2015 | 09h00

O DELE é administrado pelo Instituto Cervantes, que está presente em todos os continentes e em mais de 40 países. Sendo assim, a realização dos exames será feita nessas instituições ou naquelas com as quais o Instituto tem convênio. Aqui em São Paulo, é o caso do Colégio Bandeirantes, que realiza para seus alunos os exames desde 2003 nos meses de maio e novembro. No Brasil, há sedes do Instituto Cervantes nas cidades de Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. As provas são elaboradas e corrigidas pela Universidade de Salamanca, na Espanha. Fique de olho nas informações da página do Instituto (www.cervantes.es) para saber os lugares em que você pode se inscrever.

DELE

Recentemente o Instituto Cervantes ampliou o número de datas para a aplicação do exame, que terá em 2016 cinco convocatorias: abril, maio, julho, outubro e novembro. Mas fique atento: apenas nas provas de maio e novembro é possível realizar todos os níveis do exame, por isso confira se o seu nível de conhecimento é compatível com os que serão oferecidos em cada uma dessas ocasiões.

Falando em níveis, o DELE segue, como outros exames da Comunidade Europeia, um documento chamado Quadro Europeu Comum Europeu de Referência para as línguas. Já ouviu esse nome? Provavelmente sim, pois é ele que determina aquilo que muitos cursos e materiais de línguas estrangeiras tratam agora como os seis níveis de conhecimento de um idioma, do básico ao máster: A1, A2, B1, B2, C1 e C2. É importante ter consciência do seu nível! E lembre-se de que muitas pessoas confundem as letras, acreditando que o A é o mais alto, quando na verdade o nível de proficiência máxima é o C.

A maior parte dos estudantes que se apresentam para os exames, tanto brasileiros como estrangeiros, está concentrada nos níveis B1 e B2, que seriam os equivalentes aos estágios Intermediário (B1) e Avançado (B2). Então, quando você estiver pensando em melhorar o seu currículo, estudar fora ou tentar o diploma com o objetivo de se inscrever para alguma bolsa de estudos, pense que o mais recomendável é ter o nível de conhecimento B2 do idioma. Vale lembrar que o C1, ao qual vários alunos do Band se apresentam, é um nível alcançado por pouquíssimos jovens no Ensino Médio.

Como costuma acontecer nos exames de proficiência de nível internacional, o DELE avalia as quatro habilidades de língua. Para ser considerado “apto”, é necessário ter uma nota mínima de 30 pontos em cada grupo de provas, ou seja, o que seria uma nota 6,0. É importante lembrar que nenhuma delas tem um peso maior que outra, por isso tente se dedicar igualmente a todas. As provas se organizam nos seguintes grupos:

Grupo 1 (50 pontos – nota mínima necessária somadas as duas provas: 30)
– Prova de Compreensão de Leitura (25 pontos)
– Prova de Expressão Escrita (25 pontos)

Grupo 2 (50 pontos – nota mínima necessária somadas as duas provas: 30)
– Prova de Compreensão Auditiva (25 pontos)
– Prova de Interação Oral (25 pontos)

No próximo post: dicas para estudar para o exame!

Prof.a Rosemeire da Silva
Coordenadora de Língua Espanhola
Colégio Bandeirantes

Mais conteúdo sobre:

Colégio BandeirantesDELE