Ministro da Educação estuda dar bolsa para quem tiver nota alta no Enem e quiser ser professor

Renata Cafardo

21 de maio de 2019 | 09h17

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, estuda criar uma bolsa para jovens que queiram ser professores do ensino básico. A ideia seria a de premiar alunos com altas notas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que quiserem cursar Pedagogia.

Weintraub tem se reunido com fundações que apoiam a educação e a proposta surgiu nessas conversas.

Atualmente, 70% dos alunos que escolhem Pedagogia no Enem têm notas abaixo da média. A intenção de programas como esse é a de estimular que os melhores alunos do ensino médio queiram ser professores.

Países como Chile e Cingapura têm programas semelhantes, com bons resultados.

Weintraub tem se reunido com fundações de apoio à educação

A bolsa seria dada ao aluno durante a graduação. O problema é que o projeto está vinculado ao fim do contingenciamento de recursos que reduziu as verbas do MEC.

Por isso, ainda não há previsão do valor que seria pago ou de quando a ideia poderia ser colocada em prática pelo governo.

Tendências: