Diretora da EC recebe Prêmio Cidadão São Paulo

Diretora da EC recebe Prêmio Cidadão São Paulo

Colégio Porto Seguro

01 Fevereiro 2018 | 14h22

 

Rachel Braun recebeu a homenagem por sua atuação à frente do projeto social do Porto

 

O ano de 2018 começou com um importante reconhecimento ao trabalho desenvolvido pela Fundação e Colégio Visconde de Porto Seguro.

No dia 25 de janeiro, a Diretora Pedagógica da Escola da Comunidade, Rachel Braun, recebeu, das mãos do Secretário da Educação, José Renato Nalini, o Prêmio Cidadão São Paulo 2017, na categoria Educação, por sua atuação à frente do projeto social do Porto. Na sua fala, Nalini destacou: “Eu sou um ardoroso fã do Porto Seguro e a Rachel sabe, todos sabem. Tenho ido constantemente lá, citado em todos os lugares nos quais eu compareço, dizendo que é possível, sim, nós fazermos com que nichos de excelência da Educação brasileira abracem com carinho a escola pública, tão necessitada de respeito e consideração, mas principalmente de ternura. Em nome da Secretaria da Educação, Rachel e toda a família Porto Seguro, Deus lhes pague, continuem com isso, que é uma coisa fundamental para mudar o Brasil”.

Essa distinção é a premiação de maior relevância de São Paulo para reconhecer personalidades responsáveis por ações transformadoras. O prêmio é promovido pelo Catraca Livre, através do ReciproCidade, seu programa de estímulo a iniciativas criativas de impacto social, ambos criados pelo jornalista Gilberto Dimenstein.

A celebração ocorreu no Masp, celebrando o aniversário da cidade de São Paulo. Na abertura, Dimenstein enalteceu nosso projeto social: “Feliz o país que tem uma comunidade como a do Porto Seguro, que além de educar a elite do Brasil, educa a elite de uma comunidade como a de Paraisópolis. Isso que eu tenho que agradecer a vocês!”

A programação contou com a participação da Big Band e da Companhia de Dança, da Escola da Comunidade, que abriram o evento. Participaram também a orquestra da Escola de Música de São Paulo (EMESP Tom Jobim), do Santa Marcelina, e o Quinteto de Metais do Instituto Baccarelli. Nessa sexta edição, também receberam o prêmio outros projetos que promovem a inclusão: Santa Marcelina Cultura, Instituto Baccarelli (Cidadania), Nando Bolognesi (Saúde) e Agência Mural (Comunicação).

Parabéns a todos os diretores, coordenadores, professores, colaboradores, alunos e pais do Porto e da Escola da Comunidade que, juntos, constroem esse patrimônio da Educação do Brasil!