Apoio, sensibilização e inspiração

Apoio, sensibilização e inspiração

Escola Santi

29 Novembro 2016 | 09h49

Alunos da Santi recebem visita da atleta paralímpica de basquete Paola Klokler, que veio agradecer as cartas de apoio e incentivo enviadas aos atletas em agosto.

 

Pequenos gestos podem fazer toda a diferença. E não é por virem de uma criança, que são menos significativos ou tem menos possibilidade de alcançar pessoas e mudar o mundo.

Em agosto, os alunos do T5 e 1º ano da Escola Santi realizaram um pequeno gesto: escreveram cartas de apoio e incentivo aos atletas paralímpicos brasileiros, que iriam começar a competir no mês seguinte. As frases eram simples – “Boa sorte!”, “Estamos torcendo por vocês!”, “Não desistam!” – e os desenhos de cada criança davam o toque especial a cada carta.

A iniciativa foi dos Correios e do Comitê Paralímpico Brasileiro, que coletaram cartas de todo o Brasil para serem entregues diariamente a todos os atletas. Entre eles, estava a pivô do time feminino de basquete sobre rodas do Brasil, Paola Klokler, e entre as cartas que ela recebeu estava a do João, aluno do T5 da Santi, que acabou tendo um significado muito especial:

“Essa cartinha eu recebi na manhã do nosso jogo mais importante, contra a Argentina, e foi ela que me deu forças para dar o melhor de mim no jogo. Eu falei para todas as minhas amigas do basquete que as cestas que eu fizesse naquele jogo seriam para a pessoa que me mandou a carta, e por causa dessa cartinha, a gente arrasou no jogo!,” contou Paola aos alunos do T5, em uma visita que realizou à Escola Santi para agradecer aos alunos, e, especialmente, ao João, pelas cartas enviadas aos atletas brasileiros.

IMG_8058

Paola conversou com alunos de diversas turmas da Santi, da educação infantil ao fundamental 2, sobre sua vida, sua carreira, sobre ser deficiente e sobre como sempre podemos alcançar nossos sonhos e superar limites. Distribuiu autógrafos, sorrisos, muito carinho e inspiração.

E João, autor da carta, ganhou um presente especial: uma camiseta oficial da Paola, com uma dedicatória que o deixou com um sorriso de orelha a orelha. Segundo seus pais, João contou a todos em casa sobre a experiência incrível, e mesmo passando o tempo, ainda havia muito a João contar:

“Foi muito legal, eu fiquei muito feliz. A camiseta ainda não cabe, porque eu sou muito pequeno, mas ela está nas costas da minha cadeira especial de sentar, desenhar e fazer lição, e quando eu crescer eu vou usar. Eu adorei!”

Confira no vídeo abaixo tudo o que rolou nessa visita tão especial da paratleta Paola Klokler à Escola Santi:

 

6º CineSanti

O Cinesanti é um evento anual, que tem como principal objetivo incentivar reflexão sobre temas pertinentes à sociedade atual por meio do cinema. Esse ano, por conta da realização das Paralimpíadas, foi exibido o filme “ParaTodos“, que mergulha no cotidiano dos principais atletas paralímpicos brasileiros para discutir a inclusão de pessoas com deficiência na sociedade.

Após o filme, foi realizado um bate-papo com Mauro Nohara, atleta de paraciclismo, e com Valmir Souza, do projeto Giro Inclusivo, que não apenas lançou um aplicativo para monitorar a acessibilidade na cidade de São Paulo, como realiza constantemente atividades voltadas para pessoas com mobilidade reduzida. Durante a conversa, conversamos sobre suas trajetórias, os avanços na acessibilidade e na inclusão de pessoas com deficiência no Brasil, e o que podemos fazer para nos reeducarmos e educarmos as crianças para criar uma sociedade sem preconceitos.

Valmir esteve no 3° Santi de Portas Abertas, que aconteceu em abril deste ano. Confira o vídeo: