Sobre o papel da família na lição de casa

COLÉGIO SANTA MARIA

05 de maio de 2022 | 06h00

Cristiane Alarcon, professora do 1º ano do Ensino Fundamental do Colégio Santa Maria, considera de extrema importância a parceria das famílias na hora da criança fazer sua lição de casa. A marca dessa série é a alfabetização, quando o aluno necessita de tranquilidade nesse momento.

Estudantes que acabaram de deixar a Educação Infantil, agora a aprendizagem e a autonomia devem caminhar juntas, mas com a supervisão dos educadores e das famílias. “Nós sugerimos aos pais que a criança tenha sempre o cantinho da lição de casa, os materiais à disposição dela sem faltar nenhum item, e a organização do espaço”, explica a professora. “É importante também lembrar que nenhuma criança nasce autônoma, autonomia a gente ensina. A lição de casa não pode ser motivo de estresse, precisa ser uma atividade prazerosa”, completa.

Mãe de três estudantes no Santa Maria, a comunicóloga Claudia Arruda entende que este é um momento em que os pais precisam estar atentos. Sua filha mais nova, Antonela, que está no 1º ano, tem se mostrado interessada pelos exercícios propostos. “Eu percebo que as atividades que vêm para casa são artísticas também, o que torna o momento mais leve”, conta. A menina começou a se interessar por histórias, o que a motiva a aprender cada dia mais. “Por enquanto, a Antonela está aprendendo as letras de forma, e são essas que ela procura encontrar nos livros”, explica.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.