Oração, meditação e ação: a espiritualidade nossa de cada dia

Colégio Santa Maria

26 Setembro 2016 | 08h12

Autoria: Aurea Maria Curti de Mello

 

A educação no carisma da Santa Cruz favorece a participação na vida e problemas do povo, promove o diálogo entre a fé e o conhecimento, a fé e a experiência do dia a dia, a fé e a cultura. A fé deve ser, portanto, um fator de mobilização social, ou seja, é preciso sempre que haja o diálogo, fé e vida. A fé deve levar a prática.

Nesse sentido, o trabalho com a Espiritualidade em Ensino Religioso no 6º ano do Fundamental II do Santa Maria possibilita ao educando religar-se com Deus em todos os aspectos da vida, valoriza o pluralismo e a diversidade cultural, presentes em nossa sociedade e proporciona ao educando conhecer o fenômeno religioso a partir das experiências percebidas em seu contexto. A Espiritualidade aparece nesse sentido como um elemento fundamental, pois impulsiona e guia as opções e o modo de agir de cada um.

A Oração e a Meditação são, nesse sentido, caminhos para a entrega a Deus, para o encontro consigo mesmo e com o outro. Ao fazer as propostas de oração e meditação com os educandos, evidencia-se que o fazemos para nos sentirmos amados por Deus, e assim sermos fiéis ao projeto Dele, realizando nossa vocação. Assim, tanto a Oração quanto a Meditação são trabalhadas e vivenciadas para que se transformem num compromisso. 

Quando nossas crianças rezam, a intenção é que sintam Deus como alguém muito próximo, a quem elas podem sempre recorrer. Alguém tão próximo que mora dentro do coração.

Para a meditação, é preciso ficar tranquilo e em silêncio. Quando estiver assim, imediatamente é possível sentir que se está meditando. Quando começar a sentir alegria, paz e amor, gradualmente ela se tornará a alegria, paz, amor e tudo o mais que estiver sentindo.

Por isso, viver a Espiritualidade faz com que sintamos nossa Criança, nosso Jesus Menino; podemos através dela buscar a casa do Pai, ouvir a Sua Voz e saber que ficaremos com  ela em perfeita santidade, quietude e paz, com a certeza sublime de que estamos em casa.