Futebol e Física: “sportscience” entrando em campo

Futebol e Física: “sportscience” entrando em campo

COLÉGIO SANTA MARIA

14 de junho de 2019 | 07h30

Autoria – Rafael Correa

O mês de junho promete ser bem futebolístico. Dois torneios internacionais ocorrerão simultaneamente, com a participação do Brasil nas duas competições: Copa do Mundo de Futebol Feminino e Copa América de Futebol Masculino. E para que esses dois eventos não passem em branco na sala de aula, a disciplina do currículo diversificado Sportscience, oferecida para as alunas e alunos da 1ª série do Ensino Médio do Colégio Santa Maria, abordou o tema em três atividades experimentais, em que o Futebol e a Física fizeram uma “tabelinha” digna de time campeão.

 

O primeiro experimento tinha como objetivo calcular a velocidade do chute dos estudantes. Para isso, eles se separam em grupos de três integrantes e, a partir da marcação na quadra e do celular, gravaram e cronometraram o percurso da bola após o chute. Em seguida, os grupos elaboraram gráficos de “posição x tempo”, marcando os pontos por onde a bola passou. Por fim, construíram uma “reta média” para estimar a velocidade do chute.

O segundo experimento foi estimar a altura máxima da bola em um lançamento. Com o auxílio de trena e cronômetro, ao realizar os chutes, estimaram a altura utilizando as funções horárias de posição e velocidade.

Num último experimento, estimaram o coeficiente de restituição da bola. Dentre diversas outras grandezas, o coeficiente também está relacionado à deformação que a bola sofre durante um chute, ou até mesmo quando atinge a trave. Para isso, eles abandonaram a bola a uma determinada altura e, com o auxílio de uma trena e de seus conhecimentos sobre energia mecânica, estimaram as velocidades da bola (de descida e de subida) e, com esses valores, estimaram o coeficiente.

O resultado não poderia ter sido melhor. Ao mesmo tempo em que os estudantes puderam se divertir com a modalidade esportiva mais praticada no país, tiveram a oportunidade de explorar os dois grandes temas da Mecânica: a Cinemática e a Dinâmica.

Tendências: