Festa Junina em novo formato

COLÉGIO SANTA MARIA

15 de junho de 2021 | 07h00

A Festa Junina do Santa Maria é uma das mais animadas e aguardadas na zona sul: antes da pandemia, cerca de 10 mil pessoas costumavam participar da agitação que durava o dia todo, com danças, barracas de comida típica e tudo mais que faz parte dessa cultura. A partir desta semana, entretanto, pelo segundo ano consecutivo, o cenário será diferente, mas um pouco mais animado que em 2020, quando a festa foi totalmente on-line. Desta vez, não haverá plateia, mas as crianças estarão lá para curtir esse momento tão importante.

Todas as séries da Educação Infantil e Ensino Fundamental I estão fazendo apresentações de dança e brincadeiras somente entre as crianças, que vão acontecer até 17 de junho durante todo o período da manhã e da tarde. Ao contrário de anos anteriores, não haverá convidados, e cada turma se apresenta para outra, com roupa típica, no espaço externo, respeitando todas as medidas de segurança.

Os alunos do Ensino Fundamental II também terão apresentações e atividades temáticas nas aulas de Educação Física nos dias 15, 16, 17, 21, 22 e 23 de junho. O período estendido das comemorações se deve ao rodízio das turmas no modo híbrido, o que favorece o cumprimento das medidas de distanciamento social.

Como não é possível oferecer alimentos em barracas, por conta das restrições sanitárias impostas pela pandemia, as crianças podem levar na própria lancheira pipoca, paçoca e o que mais gostarem do que é consumido nas festas juninas tradicionais. Cada aluno vai doar um quilo de alimento não perecível, que será destinado à campanha nacional Quem Tem Fome Tem Pressa.

Cerca de 70 alunos do Ensino Fundamental I e 160 do Ensino Fundamental II estão acompanhando as aulas remotamente e, para participarem da festividade, terão atividades específicas propostas pelos professores de Educação Física.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.