Encantamento nas aulas de biblioteca

Encantamento nas aulas de biblioteca

COLÉGIO SANTA MARIA

24 de março de 2020 | 07h30

Autoria: Tauany Pazini

As aulas de biblioteca do Santa Maria destacam-se como um dos principais projetos da Biblioteca Pe. Moreau. As turmas da Educação Infantil e do Fundamental I possuem horários fixos dentro da grade curricular para que frequentem o espaço junto com a professora, participem efetivamente e, desde pequenos, aprendam a importância desse local, quais os recursos que oferece e os benefícios que a leitura traz à vida acadêmica e particular.

 

A cada aula é feita uma contação de história, e a partir dela, uma atividade, que pode ser uma brincadeira, um jogo, uma encenação, uma produção de texto, um desenho, um debate ou uma simples roda de conversa sobre os temas abordados na história. Ao término, as crianças escolhem os livros que serão emprestados para leitura em casa.

 

As contações de história buscam envolver os alunos com a literatura utilizando  diversas estratégias, como encenações, teatro com fantoches, teatro de sombras, teatro mudo, músicas, dentre outras.

 

As primeiras aulas de biblioteca do semestre realizadas para o 4º ano do Fundamental trouxeram histórias com muita magia, encantamento e atividades que aguçaram a participação dos alunos.

 

No conto “A Dificuldade e a Felicidade”, a Felicidade tem de pular as pedras que a Dificuldade põe em seu caminho, levando a refletir sobre como podemos crescer até por meio dos problemas que encontramos em nossa estrada. Após a contação, as turmas participaram de uma gincana que trazia obstáculos e desafios, nos quais os alunos tinham que pensar e fazer escolhas para alcançarem os objetivos propostos. Ao final, todos relataram os pontos positivos e negativos fazendo relação com a história contada.

 

Já a contação do livro “Charlotte no reino das fadas do dente” foi feita através de encenação e apresentou a personagem principal e seus óculos mágicos, os quais a faziam enxergar o mundo como ele “deveria ser”, e não como ele realmente é, ajudando o leitor a se questionar sobre o que está acontecendo nesse mundo e a motivá-lo a ter atitudes para que isso mude ou pare de acontecer.

 

A contação da história, além de divertir e encantar os alunos, levou-os a refletir sobre como podemos, a partir de pequenas atitudes, mudar o ambiente no qual estamos inseridos, bem como, aguçar a curiosidade da criança para ir além, na busca de informações que a torne, a cada dia, um sujeito ativamente inquieto e questionador do mundo à sua volta!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: