Diversidade: promover, proteger, integrar!

Diversidade: promover, proteger, integrar!

Colégio Santa Maria

29 de abril de 2019 | 10h00

Autoria: Aurea Maria Curti de Mello

“Venha e Veja” (Papa Francisco)

De acordo com o pontífice, o pedido de Jesus aos discípulos de João por meio dessa frase é dirigido a todos e todas, e é um convite para superar o medo para se encontrar com o outro, para recebê-lo, conhecê-lo e reconhecê-lo.

Assim, o melhor caminho para construir uma sociedade inclusiva e mais justa é respeitar e valorizar a Diversidade, considerada uma das maiores riquezas do ser humano. A existência de indivíduos diferentes numa cidade, num país, com suas diferentes culturas, etnias e gerações fazem com que o mundo se torne mais completo. A partir dessa consciência, o 6º ano do Santa Maria, em sua missa de 2019, celebrou com a comunidade escolar o tema que intitula este texto.

Nossos alunos e alunas, nas aulas de Ensino Religioso e junto aos demais componentes, tendo como inspiração o projeto da série, “Somos diferentes, não desiguais”, puderam refletir sobre o fato de que o respeito à diversidade é um direito fundamental para preservar a identidade, os valores e as crenças dos indivíduos e essencial para garantir a dignidade de cada pessoa. Vimos juntos, que vivemos em um país e um mundo marcado pela diversidade e que o diverso é algo que compõe a condição humana. Dessa maneira, nossas salas de 6º ano estavam prontas para transmitir seu carinho, alegria e consciência em nossa celebração.

“A missa foi uma celebração para todos nós relembrarmos o quanto é importante darmos mais valor à diversidade. Ela é a diferença entre as pessoas, em aparências, jeitos, gostos….Precisamos promovê-la para que todos vejam o quanto ela é importante para nossa sociedade. Precisamos protegê-la para que ela não vire uma forma de desigualdade, racismo ou preconceito. Precisamos integrá-la para que o respeito a ela vire algo do nosso dia a dia.” – Mariana Acras, 6ºB

Comungamos, portanto, nas leituras, no Evangelho, nas músicas escolhidas, no Ofertório dedicado à realidade de imigrantes e refugiados, o verdadeiro encontro com os outros, a capacidade de reconhecer Jesus Cristo que pede para ser recebido, protegido, promovido e integrado.

Acrósticos elaborados pelos alunos sobre a missa:

M aria nossa Mãe,

I mbatível contra o mal.

S empre foi forte e guerreira,

S anta sempre foi.

A mamos, você, Mãe Maria” – André Pochini, 6ºF

******************************************************

M omento de ir à

  I greja e

 S entir,

 S aber e

 A prender sobre Deus”  – Laura Alves, 6º F

******************************************************

D ar valor a momentos

I ntensos, com pessoas diferentes e

V er a beleza da diferença, que

E xiste entre nós.

R   espeitar valores dos

S eres,

I  ncríveis que

D oam

A legria,

D edicação e

E nsinamentos todos os dias” – Laura Alves, 6ºF

 

*****************************************************

D e manhã, acordo cedo e vou à

I greja.

V ejo diferentes pessoas, com alturas,

E tnias e cabelos diferentes. Todas

R ezam, igual a mim. Alguns são

S ingelos, outros não. Mas isso não

I mporta. Até porque, somos

D iferentes, e isso não é ruim.

A final, é assim que cada um é único,

D o seu jeito

E do seu modo de viver!” – Luísa Ruivo de Andrade, 6ºF

 

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.