Alunos da EJA realizam estudo do meio pelo centro histórico

Alunos da EJA realizam estudo do meio pelo centro histórico

Colégio Santa Maria

02 Outubro 2018 | 07h30

Autoria: Gabriel B. Zecchin

 

No dia 22/09, os alunos da 7ª e 8ª séries do curso de Educação de Jovens e Adultos do Colégio Santa Maria (EJA) tiveram a oportunidade de vivenciar uma aula diferenciada pelas ruas do centro histórico da cidade de São Paulo. Parte do projeto interdisciplinar “São Paulo: metrópole das desigualdades”, tem como proposta de reflexão analisar e problematizar o processo de urbanização da capital paulista e suas implicações, ao longo da história, para os habitantes da cidade.

Caminhando pelas ruas do centro velho, os alunos puderam compreender como as questões mais problemáticas, vividas atualmente  por todos os paulistanos, se constituíram ao longo do tempo, fruto  do desenfreado processo de uma urbanização desregrada, instaurando  o caos no transporte público, engarrafamento das vias de acesso, poluição, falta de espaços verdes, canalização de rios desfazendo as calhas naturais de escoamento das águas provocando  enchentes e alagamentos, todos os anos, nos verões chuvosos.

Porém, o maior contraste se refletia na condição desumana de moradores de rua, desassistidos, vulneráveis, despidos de dignidade.

A dura realidade foi descortinada, mostrando que a crueldade da urbanização e especulação imobiliária vai muito além da dominação do espaço físico. Atinge a alma de quem é excluído do processo de crescimento da cidade se transformando em vitima da ganância desmedida e inconsequente das grandes incorporadoras ou dos governantes, ávidos por registrar seus feitos faraônicos, deixando à mostra feridas das desigualdades.

De volta à escola, agora em sala de aula, dando continuidade ao projeto, os alunos buscarão informações sobre as ações que as autoridades municipais destinam aos espaços visitados e posteriormente encaminharão propostas e sugestões de melhorias, fazendo valer o verdadeiro papel da cidadania e resgatando o amor pela esquecida cidade.