Brincadeiras e movimento: a ludicidade na Educação Física

Brincadeiras e movimento: a ludicidade na Educação Física

COLÉGIO SANTA MARIA

19 de dezembro de 2018 | 14h46

 

Autoria: Arthur Consiglio Campelo

A Educação Física e a ludicidade andam de mãos dadas na Educação Infantil do Santa Maria à medida que brincadeiras e jogos são trazidos pelo professor. Para seu aprendizado, toda criança precisa de informações, motivação e conversa.

As informações são a forma de colocar claramente para a criança quais das imensas possibilidades de exploração e oportunidades ela buscará entender na aula através de seus movimentos. Já a conversa faz a ligação entre o movimento prático realizado e o movimento de compreender o significado da atividade, mas de fato é a motivação que coloca a ludicidade à frente da situação.

“Lúdico, do latim ludus, tem sido relacionado ao jogo, divertimento, que se faz por gosto.” (FERRAZ, 2006)

O lúdico pode transformar a pura mecânica de chutar uma bola na final da Copa do Mundo. Não é à toa que as crianças esperam a aula de Educação Física, pois o professor é capaz de construir junto aos alunos novos significados para as brincadeiras, sem perder a intencionalidade e os objetivos da aula. Existem novos desafios, prazer, criação de possibilidades, dimensão simbólica; tudo isso entre movimentos e brincadeiras em que todos possam participar convivendo e respeitando uns aos outros.

 

Tendências: