As cores do som

As cores do som

Colégio Santa Maria

29 Outubro 2015 | 09h47

Instalação artística elaborada e construída pelos alunos do 4º ano Fundamental I do Santa Maria é resultado de um projeto interdisciplinar que integrou Artes, Música e Tecnologia

Inicialmente, a professora de Artes, Edvânia Rego, propôs aos alunos um estudo detalhado sobre Cores e suas Combinações, partindo das cores primárias, passando pelas secundárias, terciárias, quentes e frias e finalizando com a introdução do preto e do branco, a fim de que os alunos percebessem a infinidade de possibilidades combinatórias no universo da cor. A partir disso, estudaram a obra do artista Holton Rower e, então, iniciaram a montagem de estruturas tridimensionais usando caixas de papelão de vários tamanhos, como se fossem “edifícios”. Essas estruturas foram montadas segundo um padrão, da maior para a menor, criando assim esculturas com bases largas e topos estreitos. Os alunos escolheram, em grupos, uma cor e, a partir dela, foram sobrepondo cores e as derramando sobre as esculturas, formando as sobreposições de cores.

2910_20150919_074435

Em seguida, nas aulas de Música, sob o comando das professoras Adriana Francato e Alessandra Gomes, os alunos, observando as esculturas prontas, criaram sons corporais e manipularam instrumentos convencionais, como pau-de-chuva, xilofone, metalofone, entre outros, escolhendo sons que mais se aproximavam do movimento da tinta escorrendo pelas esculturas. Complementando essa proposta de escolha de sons, os alunos trabalharam com netbooks instalados na sala de música experimentando e criando sons usando a linguagem de programação Scratch, sob a orientação de professores do Núcleo de Tecnologia Educacional do colégio, sob a coordenação de Muriel Rubens.

2910_Fotos Blog (3)

Essa experiência culminou na construção de esculturas sonoras manipuláveis pelo público que, à medida que tocava a obra de arte, podia interagir, escutar, perceber diferentes combinações de sons e participar da criação iniciada pelos alunos.

“Todos se surpreenderam com as caixas que tinham, em suas extremidades, fios de arame; quando as pessoas tocavam no arame, começava a sair das caixas acústicas os sons que tínhamos escolhido, ao mesmo tempo em que apareciam as cores das esculturas no telão. Todos saíram orgulhosos e alegres com essa exposição”, finalizou Giovanna Bottini, aluna do 4º ano.

Os alunos prepararam um vídeo explicativo sobre esse trabalho, que se encontra à disposição dos interessados no canal do Santa Maria no youtube – www.youtube.com/colsantamariasp

2910_Fotos Blog (7) 2910_Fotos Blog (8)