Abordagens contemporâneas sobre qualidade de vida e o adolescente

Abordagens contemporâneas sobre qualidade de vida e o adolescente

Colégio Santa Maria

03 de agosto de 2020 | 07h30

Autoria – Luiz de Mello Machado Junior

Atualmente, falar de qualidade de vida é dizer, entre outras coisas, sobre a importância do bem-estar físico, mental, psicológico e emocional do ser humano. Notamos que no mundo contemporâneo a abordagem desse assunto se torna cada vez mais importante, principalmente entre os adolescentes que estão em plena formação e necessitando de orientação sobre o tema, a fim de alcançar autoestima e hábitos de vida saudáveis.

Dessa forma, o componente de Educação Física desenvolveu com os alunos do 9º ano do Santa Maria um trabalho que consistiu na pesquisa e apresentação dessa temática com diferentes abordagens. O objetivo era suscitar reflexões sobre sedentarismo, obesidade e maus hábitos alimentares; os impactos do uso de suplementos, drogas e anabolizantes; a importância do exercício físico para a saúde mental; as convergências e divergências dos padrões de beleza e saúde; os distúrbios alimentares como bulimia e anorexia e, por último, os benefícios dos hábitos saudáveis como horas de sono, alimentação equilibrada e atividade física regular.

Os trabalhos destacaram questões que trouxeram criticidade e lucidez para assuntos que, quando não são bem esclarecidos, podem deixar os adolescentes reféns de informações equivocadas. Por isso, vale dizer o quão importante foi expor esses temas com os nossos educandos para a aquisição de novos conhecimentos.

Como estamos em época de pandemia, os alunos também lembraram da importância dos exercícios físicos durante a quarentena. Registraram que manter o corpo e a mente ativos, sobretudo neste período de isolamento, é muito importante para o aumento da imunidade, pois a atividade física regular estimula a produção de células do sistema imunológico responsáveis por combater infecções causadas por vírus, como a Covid-19, além de atuar no combate ao estresse, à ansiedade e à insônia.

Ao longo desse processo, ficou claro que a Educação Física e toda dimensão da cultura corporal atua na qualidade de vida das pessoas de forma bastante significativa, não só no que se refere ao físico, mas também nos aspectos mental e socioemocional.

Podemos dizer que os trabalhos dos alunos (alguns deles aqui postados) ilustraram os conteúdos de forma abrangente e satisfatória, alcançando assim os objetivos desejados.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

Colégio Santa Maria

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.