A escuta na escola em época de pandemia

COLÉGIO SANTA MARIA

20 de outubro de 2020 | 07h30

Autoria – Roberta Edo

Desde o início da pandemia, percebemos movimentos de adaptação, invenção, criação de alunos e professores para que o ano letivo acontecesse. Às vezes, todos estavam mais animados, por vezes, mais cansados, e assim seguimos de março até agora para “dar conta” do ensino remoto: cada um da sua casa, vendo imagens em quadradinhos.

Parece-me que a contingência da pandemia fez emergir algo muito singular, de cada um de nós, que já estava lá, só que escondido, guardado a sete chaves. Alguns se sentiram mais protegidos do mundo, outros isolados do seu grupo de pertencimento. Afinal, o contato com outro e, por consequência, o enfrentamento dos conflitos que surgem na convivência foram suspensos. O sofrimento de cada um ficou à flor da pele, escancarado.

Mas o que fazer? Como a escola pode olhar/cuidar?
Penso que o primeiro passo é a Escuta. Escuta que possibilite o surgimento de falas despretensiosas e que seja mediada pelos próprios participantes.

Então, na 1ª série do Ensino Médio do Santa Maria, criamos um momento semanal nomeado de “bate-papo com orientação”, espaço muito diferente de uma orientação acadêmica e pedagógica. É onde podemos conversar sobre qualquer coisa sem necessariamente chegar a conclusões ou encaminhamentos futuros. Apenas um espaço, ainda virtual, de estarmos juntos e sermos atravessados pela vontade de conversar.

Já surgiram ideias para as aulas, lamentações de estarem sem o convívio do colega, sonhos para o próximo ano. Mas não temos a obrigação de chegarmos a alguma solução produtiva. Simplesmente, porque “a escuta é parte primária e essencial do cuidado com o sofrimento das pessoas. (…) O sofrimento precisa ser escutado, caso contrário tende a transformar-se em sintoma ou a regredir para estados inomináveis de mal-estar” (DUNKER, Christian. Paixão da Ignorância. Ed. Contracorrente, 2020, p. 73)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: