Volta às aulas: como lidar com a rotina escolar novamente

Colégio Santa Amália

30 Julho 2018 | 14h50

Estudar o ano inteiro não é fácil. Ainda bem que existem os dias de férias, em que você aproveita seu tempo da forma que quiser, curtindo o merecido descanso, e sem horários ou preocupações. O importante é divertir-se bastante e recarregar as baterias. Mas e quando o momento de voltar à rotina bate à porta? Você sabe como se preparar?

O período de volta às aulas é uma etapa de recomeço. Por isso, é possível que se levem alguns dias para retomar a dinâmica e ritmo em sala de aula. Pensando nessa fase de transição e readaptação à rotina escolar, é importante reintegrar-se gradativamente ao cotidiano que se tinha antes de entrar de férias. Para isso, nós, professores, podemos usar nossa criatividade e investir em jogos e atividades cooperativas que envolvam questões de desenvolvimento pessoal, social e emocional, além de cidadania.

A exploração do tema “férias” é um bom recurso a ser utilizado nessa rotina gradativa de volta às aulas. Cada professor, conhecendo as individualidades de seus alunos e grupos, pode colocar em prática suas ideias, disponibilizando espaços nos quais as crianças possam contar, de modo espontâneo, sobre suas experiências, vivências, aprendizados e aventuras de férias.

O professor pode também, sempre respeitando a particularidade de cada aluno, as características do grupo e a liberdade criativa de cada um, construir, junto com sua sala, “regras” que se estendam até o ambiente familiar de cada um, onde o aluno irá adequá-las e pô-las em prática para deixar esse retorno às aulas mais agradável e produtivo.

Para tornar esse momento mais leve e interessante, seguem 8 dicas para ajudar nesse recomeço:

  1. Organize e renove o material

Nada como recomeçar as aulas com tudo organizado. Aproveite os últimos dias de férias para colocar o seu material escolar em ordem. Faça aquela arrumação na mochila, no estojo, nos cadernos. Reponha o que for necessário e deixe tudo pronto para o dia da volta. Além da organização, que é fundamental nos estudos, você vai se sentir renovado (a) e pronto(a) para começar mais um ciclo!

  1. Procure definir horários para dormir e acordar

É comum que os horários fiquem bagunçados durante as férias. Por isso, antes mesmo que elas acabem, procure voltar aos poucos à rotina, dormindo e acordando mais cedo. Quanto mais gradual for esse processo, mais fácil será sua adaptação.

Caso você não tenha o hábito de dormir e acordar todos os dias no mesmo horário, que tal começar? Uma rotina de sono adequada, além de fazer muito bem à saúde, auxilia diretamente no processo de aprendizagem, memorização e disposição.

  1. (Re)Inicie uma nova rotina

Utilize mais a sua agenda escolar, caso você não tenha o hábito de utilizá-la, esse é um bom momento para começar. Tirar ideias e compromissos da mente e passar para o papel é uma ótima maneira de se organizar e tornar o seu dia a dia mais tranquilo. Assim, terá a certeza de que não vai se esquecer de algo importante. Anote as datas das provas, das entregas de trabalhos e de outros prazos que não pode perder.

  1. Estabeleça metas

Definir metas é uma maneira de se sentir desafiado a alcançar objetivos e melhorar sua produtividade. Em quanto tempo você gostaria de aprimorar o seu conhecimento em uma determinada matéria? Quantos livros você pretende ler até o final de um mês? E assim por diante. Analise quais são as suas prioridades e de quanto tempo você dispõe para alcançar os resultados que deseja. A ideia é definir metas realistas para manter o foco e a motivação ao longo do ano.

  1. Cuide da alimentação

Uma alimentação balanceada tem impactos positivos em todas as fases da vida. Na fase escolar, não é diferente. Assim como em uma atividade física, estudar também exige disposição. Uma boa noite de sono é essencial, mas você também pode conseguir essa energia por meio de alimentos naturais e saudáveis. Frutas e legumes, por exemplo, além da sensação de saciedade, trazem mais ânimo para a execução de tarefas.

Por outro lado, ao ingerir alimentos ricos em açúcar e gordura, como refrigerantes, biscoitos recheados e salgadinhos, o efeito é o contrário: mais sono e indisposição. Portanto, vamos evitá-los.

  1. Seja otimista

O pensamento positivo e o otimismo são muito benéficos à saúde física e mental. Pessoas que conseguem encontrar o lado bom das situações, além de se tornarem mais felizes, estão mais próximas de conquistar seus objetivos. Coloque essa filosofia em prática o quanto antes, e perceba como sua vida pode melhorar.

Ao voltar às aulas, perceba esse momento como uma oportunidade de rever seus amigos, compartilhar histórias, experiências e, principalmente, aprender novos conteúdos e desenvolver mais o seu potencial.

  1. Estude desde o primeiro dia

Embora o retorno pareça difícil, tente retomar sua rotina de estudos logo no primeiro dia. Ainda que aos poucos, é melhor estudar cada assunto conforme lhe for apresentado diariamente em sala de aula do que deixar para depois, já que a quantidade aumentará a cada dia, sem contar que aquela nova informação ainda estará “fresca” em sua cabeça, sendo mais fácil de relembrá-la.

  1. Mantenha momentos de lazer

Ainda que as férias tenham acabado, nada impede que você se permita fazer algo divertido. Os momentos de lazer são os principais ingredientes da motivação.

Mesmo que o seu foco esteja nos estudos para uma semana de provas ou para a entrega de um trabalho, deixe espaço em sua rotina para encontrar os amigos, assistir a um filme ou série. Essas atividades lhe farão muito bem e melhorarão, inclusive, a sua concentração em momentos de estudo.

Agora, acredito que já está pronto(a) para a volta às aulas, e tenho certeza que, seguindo essas dicas, tudo será mais fácil. Bom retorno!

 

Viviane Colarullo Olimpio

Professora do Colégio Santa Amália Maple Bear –  Tatuapé