Thiago Arancam faz homenagem aos 135 anos do Liceu Coração de Jesus
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Thiago Arancam faz homenagem aos 135 anos do Liceu Coração de Jesus

Colégio Salesiano

08 de junho de 2020 | 16h41

A comemoração dos 135 anos do Liceu Coração de Jesus nas redes sociais foi repleta de homenagens e de depoimentos cheios de afeto e boas lembranças. Colaboradores, líderes católicos e ex-alunos enviaram vídeos e declarações relatando a importância da instituição em suas vidas.

É o caso do tenor lírico Thiago Arancan, que descobriu a música no coral do colégio, aos 6 anos de idade. “Foi naquela época que eu tive o meu primeiro contato com a música. [Estou] muito feliz em ser um ex-aluno e um ex-canarinho do Liceu Coração de Jesus, vou saudar os 135 anos da escola com o que melhor eu ser fazer”, falou o músico no vídeo publicado no Instagram do Liceu, finalizando com uma interpretação da canção “Hallelujah”, de Leonard Cohen.

Thiago Arancam no Instagram do Liceu Coração de Jesus

Com uma carreira consolidada, Arancam já se apresentou nos principais teatros do mundo, em mais de 40 países. Ele é famoso por interpretar o Fantasma da Ópera, com passagem pelo Brasil em 2018.

135 anos do Liceu Coração de Jesus

O Liceu Coração de Jesus completa 135 nesse mês. Localizado na região central da capital paulista e tombado pelo Condephaat, o prédio remete a momentos históricos de São Paulo, abrigando um dos colégios mais antigos ainda em funcionamento na cidade. A instituição foi inaugurada pelos primeiros padres salesianos que desembarcaram em São Paulo, em 1885, sob o nome Liceu de Artes, Ofícios e Comércio.

Marcada pela tradição e pela presença religiosa, a escola também ajuda a remontar momentos importantes da história de São Paulo. Seus primeiros alunos foram filhos de escravos libertos e de imigrantes italianos, que procuravam pelos cursos profissionalizantes de tipografa, impressão, alfaiataria, entre tantos outros. Hoje a escola disponibiliza Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: