Jovens têm cada vez mais interesse em cursar a graduação no exterior

Jovens têm cada vez mais interesse em cursar a graduação no exterior

Diretores das universidades americanas de Columbia, Yale e Princeton, conversaram com os alunos

Colégio Rio Branco

04 Setembro 2018 | 16h56

Cursar a graduação em uma universidade internacional é um projeto crescente entre os jovens brasileiros. Segundo uma pesquisa realizada pela BMI, empresa organizadora do Salão do Estudante, nos últimos três anos cresceu cerca de 25% o número de brasileiros interessados em fazer uma faculdade fora do país.

Um levantamento da Belta Brazilian Educational, também mostrou que em 2017, o setor de intercâmbio no Brasil cresceu em torno de 23%, período em que as agências mandaram em torno de 302 mil brasileiros para estudar no exterior, considerando, também, a procura por cursos de idiomas.

No Colégio Rio Branco, os alunos do 9° ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio, participaram de uma conversa com os diretores de admissão das Universidades Americanas de Columbia, Yale e Princeton.

Os alunos interessados em cursar a graduação nessas instituições assistiram a palestras, puderam entender como funciona todo o processo e tirar todas as possíveis dúvidas e curiosidades sobre como é estudar nessas grandes e importantes universidades.

Estiveram presentes Maria Asayag, da Columbia University, Alexander Bustin da Princeton University, e Julian Tamayo, da Yale University, que foram recepcionados pela coordenadora de Estudos Internacionais, Renata Condi.