Colégio Rio Branco é apoiador de “Billy Elliot – O Musical”, que estreia em março no Teatro Alfa

Colégio Rio Branco é apoiador de “Billy Elliot – O Musical”, que estreia em março no Teatro Alfa

Essa é a primeira vez que o sucesso da Broadway desembarca no Brasil, com produção do Atelier de Cultura

Colégio Rio Branco

27 de fevereiro de 2019 | 16h43

Os ensaios para o sucesso da Broadway, “Billy Elliot – O Musical” foram realizados no teatro da unidade Higienópolis, do Colégio Rio Branco, ao longo dos últimos meses. O espetáculo, que conta com grandes nomes como o ator Carmo Dalla Vecchia e John Stefaniuk, na direção geral, estreia no dia 15 de março, no Teatro Alfa, em São Paulo.

Além do compromisso do Colégio Rio Branco com a educação e formação de crianças e jovens há mais de sete décadas, essa é mais uma iniciativa de apoio e fomento à Cultura, ao teatro e às artes no Brasil.

Baseado no filme do ano 2000, com músicas de Elton John e letras de Lee Hall, o enredo gira em torno do pequeno Billy, um garoto de 11 anos que quer ser bailarino contra a vontade do pai, em uma inspiradora jornada em que troca suas luvas de boxe pelas sapatilhas de balé. A história de sua luta pessoal e seu sonho tem como pano de fundo o conflito de sua família e vizinhança, causados pela greve dos mineiros britânicos (1984-1985), em County Durham, no nordeste da Inglaterra.

Ensaios aconteceram no Colégio Rio Branco

Billy Elliot é um dos espetáculos com maior tempo de exibição na Broadway, somando 13 anos ininterruptos que garantiu 5 Olivier Awards e outros 10 Tony Awards, incluindo a categoria melhor musical em ambos. A peça já foi encenada em 12 países e esta é a primeira vez que o sucesso desembarca no Brasil com produção do Atelier de Cultura.

Para a montagem brasileira, licenciada pela MTI (Music Theatre Internacional) de Nova Iorque, o espetáculo traz o consagrado ator Carmo Dalla Vecchia como Jack, o pai de Billy, acompanhado por 49 atores no elenco, 17 músicos e mais de 80 técnicos.

A produção apresenta, ainda, os atores Pedro Sousa, 11, Richard Marques, 14, e Tiago Sousa, 12, no papel título. Estreantes em suas carreiras, os atores-mirins serão responsáveis por dar vida ao icônico personagem e dominam as técnicas de movimento (acrobacia, ballet,  dança contemporânea e sapateado), interpretação de texto e músicas, e canto. O papel de Billy Elliot demanda na dança quatro números de sapateado, dois números de balé, e dois de dança contemporânea, além de movimentos acrobáticos. No canto, o pequeno Billy tem quatro solos e quase nunca sai de cena.

Em um amplo projeto de apoio institucional e parceria com o Atelier de Cultura, já foram realizados no teatro do Colégio Rio Branco e nas dependências da instituição, os ensaios dos espetáculos “Annie – O Musical”, “A Noviça Rebelde”, “Billy Eliot” e “A Escola do Rock” – em fase de audições.

Serviço
Teatro Alfa
R. Bento Branco de Andrade Filho, 722
Santo Amaro, São Paulo,
A partir de 15/03
Sexta-feira, 20h30
Sábado, 15h e 20h
Domingo, 14h e 18h30
Ingressos e informações: www.teatroalfa.com.br

 

Tendências: