HIGH SCHOOL: Ensino Internacional nas Escolas
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

HIGH SCHOOL: Ensino Internacional nas Escolas

Colégio Anália Franco

09 de maio de 2022 | 10h25

Formação Internacional com Duplo Diploma – Brasil/EUA (Colégio Jardim Anália Franco-SP)

 

O programa High School oferece aos alunos a partir do 9º ano do Ensino Fundamental a possibilidade de cursar o currículo do Ensino Médio americano concomitante à formação brasileira, garantindo ao estudante a obtenção do diploma duplo. Ao longo de três anos, o aluno cursa disciplinas como Língua Inglesa, História dos Estados Unidos e Política Americana, além de ter os créditos dos demais cursos do currículo brasileiro aproveitados e creditados para obtenção do diploma americano. No Colégio Jardim Anália Franco (o “Anália”), este programa é uma parceria com a Santillana Brazil (através da Richmond) e a Advantages Digital Learning Solutions (ADLS), que mantém parceria com a Universidade de Nevada, nos Estados Unidos.

As vantagens de se cursar o High School vão muito além da obtenção de um diploma duplo e o aumento das chances de ser aceito em uma universidade americana. Nas aulas, os estudantes têm a oportunidade de desenvolver suas competências linguísticas em um segundo idioma, por meio de discussões, promovendo não só a compreensão auditiva e produção oral, mas também potencializando o senso crítico e a capacidade de discutir e refletir sobre assuntos variados da atualidade.

Oportunizar uma formação internacional aos adolescentes é permitir a vivência deles em um processo de imersão(…) para o enfrentamento dos desafios que o mundo global apresenta

No campo da escrita e leitura, os estudantes são desafiados a ler materiais autênticos, como peças literárias que fazem parte do currículo dos alunos nativos no Ensino Médio dos Estados Unidos, colaborando com seu desenvolvimento e capacidade de interpretação. Os trabalhos escritos não avaliam somente pontos gramaticais e vocabulário, mas também preparam os jovens para a vida universitária, trabalhando com a escrita formal acadêmica e organização de texto, além de proporem tópicos que promovem o desenvolvimento da reflexão e da habilidade de pesquisa com a seleção de fontes confiáveis. Assim, o Programa High School auxilia na melhoria da fluência e acurácia no uso da língua inglesa e, ainda, amplia o desenvolvimento de “life skills”, que são competências necessárias para a vida além do ambiente escolar.

O modelo proposto pela Advantages Digital Learning Solutions e alinhado à proposta pedagógica do Colégio Jardim Anália Franco valoriza a autonomia do estudante em seu processo de aprendizagem, sendo o professor um tutor e mediador que acompanha, em detalhes, o desenvolvimento do jovem com encontros presenciais na escola e em diálogo constante com a equipe norte-americana que subsidia o trabalho pedagógico no Brasil. Ter uma estrutura que direciona caminhos, sem impor limites à aprendizagem, é uma estratégia que obtém êxito no trabalho com o High School.

Nesse sentido, no Programa Internacional do Anália há diversos profissionais atuam, dialogando nos bastidores da sala de aula, para que o programa seja efetivo à formação do estudante aos desafios do mundo global, como: docentes pós-graduados e certificados internacionalmente, coach pedagógico para subsidiar formação continuada em língua inglesa da equipe do colégio, assessoria pedagógica para intermediar processos e viabilizar demandas junto ao Grupo Santillana e apoio constante da Equipe Internacional da Advantages School com foco no acompanhamento dos detalhes pedagógicos do programa de duplo diploma para que o desempenho dos estudantes brasileiros seja adequado às exigências das leis educacionais dos Estados Unidos.

Interação e imersão em Língua Inglesa (Programa High School – Colégio Jardim Anália Franco-SP)

 

Em seu Programa de High School, o Anália oferece aulas presenciais em um modelo que valoriza metodologias ativas como aula invertida, onde o aluno tem a provocação acadêmica iniciada em sala de aula e, em seguida, mergulha nos estudos dos conteúdos existentes na Plataforma Internacional e traz suas dúvidas, questionamentos e pontos relevantes para o aprofundamento nos encontros presenciais no colégio, debatendo com os demais colegas e professor semanalmente. Desta forma, os estudantes aprimoram a responsabilidade com a própria formação, compreendendo a interdependência que existe nos estudos em um ambiente escolar propício ao aprendizado significativo.

No processo formativo deste programa internacional, o incentivo ao protagonismo do estudante é constante e os jovens buscam fontes de conhecimento que vão além do professor e desenvolvem habilidades que serão importantes ao longo de sua vida. A organização acadêmica do jovem é essencial para seu êxito no programa, pois a rotina do estudante é intensa composta de leituras, vídeos e um processo avaliativo ininterrupto composto por dissertações, apresentações e uma variedade de testes, como quizzes e exames de múltipla escolha. Tudo isso, com foco no estímulo da conexão entre teoria e prática, aplicando conceitos às situações apresentadas.

Atividades em Plataforma Educacional Internacional com rigor acadêmico (Colégio Jd Anália Franco-SP)

 

Para ser elegível ao Programa High School do Colégio Jardim Anália Franco o estudante necessita ser falante de inglês nível B2 (intermediário superior), de acordo com o CEFR (Common European Framework Reference ou Quadro Comum Europeu de Referências para Línguas), ou seja, um falante independente do idioma que seja capaz de falar, ouvir, ler e escrever sobre temas variados de sua rotina e vida escolar. Inserido neste critério, o Anália viabiliza o High School também para estudantes que estejam matriculados em outras instituições de ensino regulares. Assim, o tão sonhado Diploma Internacional é possibilitado a um grupo mais amplo de jovens que deseja ter uma experiência imersiva em língua inglesa, potencializando seu currículo e, principalmente, ampliando seu arcabouço cultural por meio do idioma mais falado no planeta.

CEFR – Quadro Comum Europeu de Referências para Línguas

 

Oportunizar uma formação internacional aos adolescentes é permitir a vivência deles em um processo de imersão promovedor de competências e habilidades para o enfrentamento dos desafios que o mundo global apresenta a todos. Dessa forma, criar condições aos jovens para a compreensão das demandas contemporâneas e, ainda, viabilizar as ferramentas frente a elas são formas de ensinar o estudante a construir seu passaporte ao conhecimento sem fronteiras.

 

Beatriz Guedes

Licenciatura em Letras (USP).

Mestranda em Educação pela Universidade de Oulu (Finlândia)

Docente de Língua Inglesa do Colégio Jardim Anália Franco

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.