A Copa do Mundo e suas possibilidades pedagógicas
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A Copa do Mundo e suas possibilidades pedagógicas

Colégio Anália Franco

29 Junho 2018 | 19h00

A Copa do Mundo chegou e com ela várias inquietações. Muitos alegam que é uma forma de manipulação de massas, nos moldes da política “pão e circo”, utilizada pelos romanos para desviar a atenção do povo dos aspectos políticos importantes. O fato é que não dá para negar que as pessoas se mobilizam por causa da Copa do Mundo. Todas as pessoas se unem para vibrar e torcer por seu país. O Hino Nacional ganha um novo sentido para as crianças.

Apesar dos questionamentos sociopolíticos vividos em nosso país, não é possível deixar de viver a Copa do Mundo na escola.

Foi no início do ano, durante o planejamento inicial, que a equipe de coordenação e os professores do Colégio Jardim Anália Franco planejaram as atividades pedagógicas que seriam desenvolvidas durante a copa. O foco foi ampliar o repertório cultural das crianças, trabalhar a diversidade cultural abordando, especialmente, a tolerância e o respeito e apresentar a cultura Russa.

Foi assim que inúmeras atividades relacionadas com os diversos componentes curriculares foram organizadas por segmento. Distribuídas durante o bimestre, integradas ao currículo, sem prejudicar as rotinas escolares.

Em Linguagens, os alunos pesquisaram expressões futebolísticas que foram incorporadas ao vocabulário corrente. Conversaram sobre o significado de cada expressão e o uso que ela ganhou no idioma fora do contexto esportivo. Analisaram a linguagem usada pelos locutores de rádio, TV, textos escritos nos jornais e nas revistas para descrever os jogos. Debateram sobre a importância de conhecer outra língua o que possibilita a comunicação entre outras pessoas de outros países. Tiveram uma palestra com a professora Raquel Toledo, mestre em literatura russa pela Universidade de São Paulo (USP), para falar de costumes e as contribuições russas em diferentes áreas do conhecimento. Analisaram a obra de Cândido Portinari, “Futebol em Brodósqui”.
Em Ciências Humanas estudaram as cidades dos jogos, aspectos geográficos e culturais, confeccionaram o mapa-múndi com todos os países participantes da copa, destacando a questão do fuso horário/conceito, clima e relevo de cada região. Pesquisaram sobre a história do Futebol (origem e chegada ao Brasil). Visitaram o Museu do Futebol e o estádio do Pacaembu.
Além das atividades acima descritas, os alunos do Ensino Fundamental participaram de uma “mini copa”. Vivenciaram as solenidades de abertura, os jogos e as premiações (medalhas feitas com materiais reciclados).

Enfim, devemos lembrar que a Copa do Mundo é um evento cultural mundialmente divulgado, que celebra por meio do esporte a união dos povos. A escola precisa aproveitar este evento para valorizar a diversidade cultural além do aprofundamento de conteúdos que já estão no currículo escolar. O esporte permite trabalhar inúmeras habilidades sociais como tolerância, respeito, gentileza, liderança e trabalho em equipe. Vamos aproveitar o interesse natural dos alunos em benefício da proposta pedagógica da escola. Vamos jogar juntos!

Nevinka Lucia Saavedra Tomasich
Diretora Escolar

 

Visita ao estádio do Pacaembu-SP

Palestra Professora Raquel Toledo