“Biblioteca Virtual” do Colégio Humboldt resgata interação entre as crianças da Educação Infantil

“Biblioteca Virtual” do Colégio Humboldt resgata interação entre as crianças da Educação Infantil

Colégio Humboldt

29 de setembro de 2020 | 11h26

Nem sempre é uma tarefa fácil manter a atenção de crianças entre cinco e seis anos por períodos prolongados. Por isso, no jardim II, quando produzimos vídeos que deverão ser assistidos para a realização de atividades, utilizamos muitas imagens, músicas e brincadeiras e estamos sempre atentas para que eles durem menos de cinco minutos.

Após algumas semanas de aula em sistema virtual, apesar do sucesso que os vídeos estavam fazendo, notamos que os vínculos estabelecidos entre as crianças estavam se distanciando e, para promovermos mais interação entre elas, resgatamos um projeto que costumávamos fazer no ensino presencial, chamado “Biblioteca Circulante”.

Em sala, as crianças escolhiam livros do acervo da escola que podiam ser levados para casa para serem lidos em família e, na semana seguinte, as histórias eram apresentadas aos colegas.

Para as aulas em sistema remoto, resgatamos este projeto, nomeando-o agora “Biblioteca Virtual”. Às sextas-feiras, uma criança de cada grupo pode escolher um livro de seu acervo pessoal para apresentar aos colegas. A forma como o livro será exibido é livre, o que possibilita que as famílias usem a criatividade, criando estratégias de apresentação divertidas e inspiradoras. Já tivemos teatros de fantoches, leituras espontâneas, histórias contadas, cantadas e encantadas.

As sextas-feiras são, hoje, muito aguardadas e reservam toda a magia do mundo das letras no contar das histórias dos nossos pequenos leitores. Este momento de valorização das vozes das crianças e de suas escolhas enriqueceu e coloriu ainda mais as nossas aulas.

Lívia Brito dos Santos Leite, professora do Jardim II do Colégio Humboldt.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: