Cogmed – Um novo diferencial no currículo regular

Patrícia Delázari

28 Junho 2017 | 13h06

Tudo o que se cria tem origem remota em conceitos que fundamentaram as ideias de pensadores e cientistas. Essas teorias têm seu auge e declínio. Contudo, há que se convir que mesmo engavetadas por anos, elas subsidiam no momento propício, as novas teorias, fruto de estudos que acompanham a evolução dos tempos.

Assim é, que Skinner formulou o seu conceito-chave de condicionamento operante, sobre os acréscimos que fez ao reflexo condicionado de Pavlov.

Houve um tempo na educação em que se fazia o treinamento motor de forma rigorosa, por meio de exercícios graduais, com vistas à concentração, ao relaxamento, à memória e até à motricidade.

Este rigor na obtenção de comportamentos ideais, foi substituído pelo que é oferecido em todos os campos da atividade artística: teatro, música, artes plásticas e visuais e expressão corporal, bem como na educação física, para suavizar a rigidez anterior.

Dentro desse movimento evolutivo dos processos educacionais impulsionados pela neurociência, surge o Cogmed, um inovador treinamento de memória operacional.

Pelo entendimento de que não basta despertar a atenção do aluno, mas mantê-la transmutada em concentração, para maior operacionalidade da memória, o método efetiva:

  • O controle da atenção – quando se lê um livro é preciso lembrar do que se leu antes, para entender o que vem depois.
  • O domínio das instruções – quando há necessidade de lembrar de receitas, caminhos, enquanto se executa uma ação.
  • A organização de informações – quando se aprende um novo conteúdo e deve-se integrá-lo aos conhecimentos anteriores.
  • A manutenção do foco – quando independente do interesse, é preciso manter o foco na tarefa.
  • Treino da concentração – quando é preciso concentrar-se sem se distrair com estímulos irrelevantes, TV, buzina, conversas e música.
  • Preparo para o raciocínio complexo – quando é preciso distinguir e memorizar as partes do todo e anotar aspectos principais do que é falado em aula ou em palestra.

O Colégio Horizontes acrescentou ao seu currículo regular do 6° ano do Ensino Fundamental, as aulas de Cogmed por contribuírem grandemente para seus objetivos principais de autonomia e independência e a gratificação fica por conta do enorme prazer que os alunos sentem em participar dessas aulas.

Patricia Delázari – Tutora do Cogmed no Colégio Horizontes