As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Internet consciente na infância e adolescência

Thais Gonzales

28 de outubro de 2019 | 18h26

A internet revolucionou a forma de construir a comunicação os relacionamentos. Trouxe muitos benefícios, ampliou o acesso às informações e ao conhecimento. E qual lugar ela deve ocupar na vida de uma criança e de um adolescente? Para compreender o uso saudável nas escolas e ficar por dentro de boas práticas, o Colégio Alicerce foi ao evento “Uso consciente e responsável da internet”.

As colaboradoras Giovana Carmo e Gabriela Queiroz participaram de um rico bate-papo organizado por entidades renomadas que regulamentam o acesso no Brasil, a SaferNet, a Nic.br, Cetic.br e a Cert.br. Especialistas apresentaram diversos panoramas da Internet no Brasil falando de segurança de dados, redes sociais, programas de capacitação, pesquisas e muito mais.

Reforçaram também a importância de a escola compreender e trabalhar a temática, pois faz parte das competências da Base Nacional Comum Curricular, do Ministério da Educação. Além disso, alertaram que o uso excessivo de celulares já causam riscos físicos e emocionais comprovados.

A internet faz parte do mundo e cria uma imensa rede de conexões. Surgiu o conceito de “Nativos Digitais”, pessoas que nasceram conectadas. Algo que precisa ser acompanhado bem de perto. “Imaginem que a internet é uma grande praça pública, onde as pessoas circulam livremente. Você deixaria seu filho de seis anos ir brincar nesta praça sem nenhum adulto por perto para supervisioná-lo?”. Esta foi uma das perguntas feitas pelos profissionais e vale a reflexão.

“Não devemos confundir habilidades instrumentais com maturidade ao entregar celulares e outras tecnologias às crianças sem supervisão e orientação só porque é uma geração digital. É hora de entender e combater o Bullying e o Cyberbullying, limitar o acesso aos filhos, estar por perto e acessar os materiais informativos que hoje estão disponíveis”, acrescentaram.

O Colégio Alicerce está mergulhando no assunto para ampliar o olhar dos alunos e acolher suas angustias e dúvidas. Cada um pode dar sua contribuição para fomentar boas escolhas on-line e estimular um ambiente mais seguro para todos. Confira www.safernet.org.br e acesse vídeos, ilustrações, textos e outros recursos para compreender a segurança na internet e aplicá-la em casa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: