Programa abre oportunidades de graduação nos EUA com bolsas de estudo

Programa abre oportunidades de graduação nos EUA com bolsas de estudo

Andrea Tissenbaum

07 de dezembro de 2021 | 07h37

Gustavo de Almeida, bolsista do Oportunidades Acadêmicas | Crédito: Divulgação

Gustavo de Almeida, bolsista do Oportunidades Acadêmicas | Crédito: Divulgação

Oferecido pelo EducationUSA a estudantes de baixa renda, programa orienta estudantes brasileiros interessados em estudar no país. Inscrições até 10/01/22.

O Oportunidades Acadêmicas é um programa do Departamento de Estado dos EUA, oferecido há 15 anos pelo EducationUSA, que já auxiliou centenas de estudantes brasileiros em suas candidaturas e admissões a cursos de graduação com bolsa em universidades estadunidenses. Além do acompanhamento acadêmico, cobre todos os custos do processo, incluindo materiais de estudo, taxas de inscrição para as provas exigidas, transporte e acomodação para realização das provas (quando necessário), taxas de inscrição nas universidades, tradução e envio de documentos.

A mentoria, o apoio e a ajuda com todos os custos mudou completamente a vida desses jovens que passaram a ver caminhos que não imaginavam possiveis, como explica Gustavo de Almeida, 23 anos, doutorando em Sociologia na Brown University. A conquista dessa nova etapa em sua vida se deu após a graduação no Dartmouth College, onde conseguiu uma bolsa de estudos com a ajuda do Oportunidades Acadêmicas. Nascido na periferia de São Paulo, ele se diz muito feliz por chegar onde chegou e ressalta que estudar em duas das mais prestigiadas universidades dos EUA só foi possível graças ao suporte que recebeu do programa. “Sou a primeira pessoa da família a concluir o Ensino Médio e a universidade. Quando eu tinha dez anos, minha realidade não comportava sequer sonhar em chegar até aqui. Agora quero terminar o doutorado e seguir carreira acadêmica”, ele conta.

> Perfil do Candidato:
– Ter concluído o Ensino Médio em dezembro de 2021 ou cursar o 2° ano ou o 3° ano do Ensino Médio em 2022
– Vir de família com recursos financeiros limitados
– Ter inglês avançado
– Realizar atividades extracurriculares e comunitárias
– Ter excelente histórico acadêmico
– Estar interessado em qualquer área de estudo, EXCETO Medicina, Odontologia, Veterinária, Direito ou Psicologia

Mariam Topeshashvili chegou ao Brasil com sua família aos 4 anos, fugindo da guerra civil na Geórgia no início dos anos 90. Como refugiados, receberam apoio do ACNUR e se estabeleceram na Comunidade Tabajaras, Rio de Janeiro. Naturalizada brasileira, a aluna do Colégio Pedro II, em meio a muitas dificuldades, se destacou nos estudos, recebeu bolsas de inglês no CCAA e foi selecionada para o Oportunidades Acadêmicas. Com o acompanhamento de uma mentora do EducationUSA, foi aceita em Harvard com bolsa integral aos 18 anos e sua vida tomou um novo rumo. Hoje, aos 25, é executiva da Rappi e vive em São Paulo com sua mãe. Uma inspiração para muitos jovens que sonham em trilhar um caminho como o dela.

Mariam Topeshashvili, bolsista do Oportunidades Acadêmicas | Crédito: Divulgação

Mariam Topeshashvili, bolsista do Oportunidades Acadêmicas | Divulgação

>> Quais informações são solicitadas na candidatura?
– Pessoais (R.G., endereço, telefones)
– Educacionais (escola, coordenador, ano de formatura , lista de atividades extra-curriculares, nível de inglês)
– Contexto familiar (endereço, telefones, profissão) 
– Financeiras (salários dos pais, despesas da casa, valor do aluguel ou do imóvel, informações de outros bens)
– Carta de recomendação de um professor ou coordenador da escola
– Documentos de comprovação dos dados acima

> As inscrições estão abertas até o dia 10 de janeiro de 2022 e podem ser feitas AQUI

Em sua última edição, o Oportunidades Acadêmicas teve alunos aceitos em universidades conceituadas como Dartmouth College, Duke University, Harvard University, Minerva KGI, Northwestern University, Stetson University, Villanova University e Universidade de Chicago.

Sobre o EducationUSA
O EducationUSA é uma rede global de Centros de Orientação do Departamento de Estado Americano. No Brasil, existem mais de 40 Centros EducationUSA que têm a missão de facilitar o acesso a informações precisas, abrangentes e atualizadas sobre oportunidades de estudo no ensino superior nos EUA.

Andrea Tissenbaum, a Tissen, escreve sobre estudar fora e a experiência internacional. Também oferece assessoria em educação e carreiras internacionais.
Entre em contato: tissenglobal@gmail.com

Siga o Blog da Tissen no InstagramFacebook e Twitter.

Fonte: EducationUSA

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.