Escola britânica em São Paulo oferece bolsas de estudo integrais

Escola britânica em São Paulo oferece bolsas de estudo integrais

Andrea Tissenbaum

25 de fevereiro de 2022 | 07h03

Foto: Leohoho, via Unsplash

Foto: Leohoho, via Unsplash

As inscrições para o processo seletivo anual da St. Paul’s vão até 20/03. Estudantes entre 11 e 14 anos que desejam estudar em uma escola internacional devem participar! 

A Fundação St. Paul’s, entidade que prepara e seleciona crianças e jovens para estudar na escola britânica St. Paul’s, em São Paulo, está com as inscrições abertas para seu programa anual de Bolsas Integrais de Estudos. Alunos interessados devem estar matriculados em uma escola pública ou privada e ter entre 11 e 14 anos, completados até o dia 31 de dezembro de 2022.

O presidente da Fundação St. Paul’s, Anthony Jezzi, explica que o programa busca beneficiar jovens que venham de famílias que não possam arcar com os custos de uma escola internacional. Entretanto é necessário que tenham certo conhecimento da língua inglesa e um histórico escolar que constate um bom desempenho acadêmico. “Além de oferecer uma oportunidade única para jovens talentos, a experiência também é muito gratificante para nós, que podemos conhecer outras perspectivas de vida, determinação e vontade de aprender”, destaca Jezzi.

> As inscrições vão até 20 de março e podem ser feitas pelo site da fundação.

Interessados devem apresentar boletins escolares, enviar um vídeo de apresentação e uma redação, em inglês. Análise de documentos, teste e entrevistas individuais e de membros da família também fazem parte da seleção.

São 18 meses de processo seletivo em que os candidatos à bolsa recebem todo o apoio necessário na imersão à rotina do colégio. Durante o período, fazem seis meses de curso de inglês, sem custos, em parceria com a Cultura Inglesa, e participam de aulas ministradas pelos professores da St. Paul’s School, em diferentes disciplinas, vivenciando, assim, o currículo anglo-brasileiro. Além de melhorar suas habilidades em inglês, têm acesso a professores e alunos de diferentes culturas, o que lhes proporciona uma rica troca de experiências.

“Participar do processo seletivo e ser escolhida bolsista foi uma experiência transformadora em minha vida”, afirma Ana Claudia Bido, que participou do processo seletivo em 2020. Gregório Pozzo, que também passou pela seleção e está há dois anos como bolsista na St. Paul’s, acredita que chegar aonde chegou lhe deu mais confiança em si mesmo. “Eu aprendi e aprendo coisas que jamais imaginaria. Hoje, depois de passar por tudo isso, acredito que posso alcançar muito mais do que eu achava que poderia, como conhecer pessoas do mundo todo e estudar fora”, destaca.

Bolsistas selecionados vão realizar as matrículas em agosto de 2023, quando a fundação passará a arcar integralmente com as mensalidades, além de material escolar, uniforme, seguro saúde, transporte e alimentação na escola durante todos os anos letivos. 

O projeto de uma educação mais inclusiva faz parte do plano estratégico da St. Paul’s School para os próximos anos, anunciado em 2021 pelo atual diretor da escola, Titus Edge. “Esses alunos bolsistas enriquecerão a nossa escola, inspirarão nossos alunos e transformarão vidas”, finaliza.

Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail contato@fundacaostpauls.org.br.

Sobre a Fundação St. Paul’s
A Fundação St. Paul’s oferece bolsas de estudo integrais para crianças talentosas, que vivem no Brasil, cujas rendas familiares não podem cobrir os custos de uma educação internacional. A entidade acredita que, com acesso a um excelente currículo e apoio pastoral, em um ambiente seguro e desafiador, os bolsistas podem realizar seu potencial e fazer uma contribuição significativa para a escola e, posteriormente, para suas próprias comunidades e para o mundo em geral. Mais informações AQUI.

Sobre a St. Paul’s School
Com cerca de 100 anos de atuação em São Paulo, a escola britânica St. Paul’s recebe alunos de 3 a 18 anos e foi a primeira na América Latina a ser reconhecida como British School Overseas pelo Reino Unido. A St. Paul’s agrega as culturas e línguas inglesa e brasileira e, ao deixarem a escola, a maior parte dos alunos vai às melhores universidades do Brasil e do mundo. A instituição possui uma estrutura moderna, com excelente corpo docente e instalações de última geração, um centro de arte e música, conjunto de laboratórios de ciências, excelente trabalho de Pastoral Care, que apoia os alunos em seu bem-estar, e um programa estruturado de formação holística.

Andrea Tissenbaum, a Tissen, escreve sobre estudar fora e a experiência internacional. Também oferece assessoria em educação e carreiras internacionais.
Entre em contato: tissenglobal@gmail.com

Siga o Blog da Tissen no InstagramFacebook e Twitter.

Fonte: Fundação St. Paul’s

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.