Novidades no Ensino Médio

Novidades no Ensino Médio

Colégio Albert Sabin

31 de janeiro de 2019 | 12h13

Como garantir uma base de excelência para todos, mas dando ao aluno a escolha de seu caminho formativo

 

Ampliação da carga horária, estabelecimento de uma base comum de conhecimentos e flexibilização do restante do currículo, de acordo com o que o aluno escolher para sua formação. Em resumo, é isso que determina a Lei Federal 13.415, a lei da Reforma do Ensino Médio, sancionada em fevereiro de 2017. Mas o mesmo pode ser dito, também, de algumas mudanças que o Colégio Albert Sabin vem efetuando há algum tempo – e de outra grande novidade, a ser implementada no próximo ano – em sua proposta pedagógica para o Ensino Médio.

Começando pela maior mudança de todas: a partir de 2019, a 3ª série do Médio do Sabin será cursada em período semi-integral, das 7h10 às 15h30, totalizando uma carga horária obrigatória de 1.450 horas no ano. Somadas às 1.150 horas por ano já oferecidas na 1ª e nas 2ª séries, o aluno do Sabin terá recebido, em três anos de Médio, 3.750 horas obrigatórias de aula. Para efeito de comparação, a nova Lei determina que as escolas brasileiras ampliem progressivamente a carga horária mínima de seu Ensino Médio, das atuais 2.400 horas (800 horas/ano) para 3.000 horas (1.000 horas/ano), até o ano 2022. (A Lei também prevê uma ampliação subsequente para 1.400 horas/ano, mas nenhum prazo ainda foi estipulado para que se atenda a essa segunda meta.)

Com o período semi-integral, a 3a série do Sabin deixa de ter o Módulo Especial de Aprofundamento. Na sequência das tardes de segunda, terça, quinta e sexta, a partir das 15h30, o Colégio continuará oferecendo o Programa de Eletivas, inaugurado com sucesso este ano. As tardes de quarta-feira seguem reservadas para as Aulas-Tema – palestras de professores do Sabin ou de especialistas convidados sobre temas da atualidade.

Coordenadora pedagógica do Ensino Médio, Áurea Bazzi explica as razões que levaram o Colégio a pôr fim ao Módulo de Aprofundamento da 3ª série (os Módulos se mantêm para a 1ª e 2ª séries), encerrando, dessa maneira, um dos programas mais longevos da história do Sabin. “Já vínhamos fazendo ajustes na estrutura dos Módulos há alguns anos, sempre para dar mais opções facultativas para o aluno construir sua formação de acordo com seus interesses”, diz Áurea.

Assim, enquanto a participação nos Módulos exigia, necessariamente, a revisão e o aprofundamento de conteúdos das sete disciplinas integrantes – Biologia, Física, Geografia, História, Matemática, Português e Química –, iniciativas mais recentes, como as Aulas-Tema, em 2014, o Programa Mais Foco, em 2016, e o Programa de Eletivas, neste ano, ofereciam aos alunos oportunidades de se dedicar a áreas específicas de sua escolha. “A base daquelas sete disciplinas ainda é fundamental”, diz a coordenadora, argumentando que elas ainda são cobradas nos principais vestibulares. “Se a maioria dos candidatos ao curso de Direito têm facilidade com História e Geografia, provavelmente as provas de Física, Química e Biologia serão um diferencial”. Até por isso essa base geral continuará sendo contemplada na proposta pedagógica da 3ª série; na prática, é como se o Módulo Especial de Aprofundamento tivesse sido absorvido pela carga horária ampliada do período semi-integral. E o fato de o material didático das aulas regulares e dos Módulos ter sido unificado este ano – são as apostilas do Sistema Poliedro – já indicava uma continuidade orgânica entre ambos que o Colégio queria ressaltar.

“Essa coesão sempre foi importante para nós”, diz a diretora pedagógica do Sabin, Giselle Magnossão. “Inclusive, no passado, já foram testados professores externos para os Módulos, mas percebeu-se que, com a mesma equipe docente, o vínculo entre professor e aluno fica mais forte. O professor se sente mais valorizado pela escola e, pessoalmente, mais motivado a ajudar o aluno. Ele abraça o desafio de preparar o aluno para o vestibular”.

Para Giselle, os ajustes implementados no Sabin nos últimos anos mostram-se não apenas alinhados às mudanças recentes na legislação brasileira como condizentes com a filosofia na qual o Colégio sempre se baseou: oferecer uma base de excelência a todos, mas também promover a autonomia de cada aluno, com a possibilidade de caminhos formativos distintos. “É importante lembrar que, mesmo com a carga horária ampliada da 3ª série, nossas aulas regulares, obrigatórias, sempre foram apenas uma parcela da educação oferecida aos alunos, complementada por diversas atividades extracurriculares que eles têm à disposição desde o Ensino Fundamental, como o Programa Sabin+Esportes&Cultura, os Módulos Preparatórios para Olimpíadas Acadêmicas, entre outras”, diz a diretora.  “Nesse sentido, entendo que não estamos fazendo um movimento em resposta à Reforma do Ensino Médio, mas em consonância a ela”.

 

Uma história de qualidade

Nos 25 anos do Sabin, o projeto do Ensino Médio passou por diversos ajustes, todos em busca de garantir qualidade crescente de ensino e de dar aos alunos cada vez mais autonomia na definição de seus caminhos formativos. O histórico dos Módulos de Aprofundamento e de outros programas extracurriculares evidencia essa trajetória.

1994: Primeiro ano letivo.

1996: Início dos Módulos de Aprofundamento – aulas exclusivas para a 3ª série, ministradas pelos professores no contraturno. Material preparado pela própria equipe.

1998: O Sabin experimenta professores externos para os Módulos. Entre 2000 e 2001, as aulas chegam a ocorrer fora do Sabin, no Colégio Anglo de Osasco, por meio de convênio. O material didático passa a ser contratado de diferentes sistemas de ensino.

2002: O Sabin reassume a gestão dos Módulos, que voltam a se dar no Colégio, com o mesmo corpo docente do Ensino Médio. Abertura dos Módulos para 1ª e 2ª séries.

2005: Início do Módulo de seis dias, para alunos da 3ª série com maior rendimento.

2007: Pela 1a vez, o Sabin entre as 10 melhores do Enem (resultado divulgado em 2008).

2014: Aulas-Tema – as tardes de quarta ficam reservadas para palestras sobre temas diversos da atualidade, de professores do Sabin ou convidados. A participação de alunos é voluntária.

2016: Programa Mais Foco – aulas extras após o Módulo Especial (da 3ª série), com conteúdo mais avançado, para alunos com interesse específico (vestibular de Medicina, provas do ITA, etc.).

2018: Programa de Eletivas – reduz-se a duração do Módulo Especial (da 3ª série), e são oferecidos, na sequência, cursos diversos. Material Poliedro passa a ser usado também nas aulas regulares.

2019: 3ª série em período semi-integral – os concluintes do Ensino Médio passarão a ter aulas regulares das 7h10 às 15h30. Na sequência, segue acontecendo o Programa de Eletivas.