MBA X LLM – Programa full-time X Programa part-time

Estadão

07 Dezembro 2009 | 23h13

Quando decidi fazer o MBA, optei por fazê-lo na versão full-time e em inglês, creio que será mais proveitoso e, além disso, o perfil dos alunos é mais parecido com o meu. Minha mulher, por outro lado, optou por fazer o LLM na versão part-time em espanhol.

Trocando experiências destas diferentes versões concluímos que, naturalmente, o meu curso tem uma multi-nacionalidade muito maior – a turma da Mariana é composta por espanhóis, um venezuelano e ela – e um envolvimento diferenciado. Além destas diferenças meio óbvias, existe uma diferença na maturidade da turma. O perfil dos alunos do curso full-time é mais jovem, mais pretensioso, mais sedento em aprender, discutir, empreender e etc.

O curso part-time é mais maduro, são pessoas que trabalham e fazem o curso em busca de ampliar o conhecimento já adquirido. A turma é mais velha, mais estável, mais tranqüila, menos dinâmica. Isso, sob o ponto de vista comportamental dos alunos, pois com relação aos professores, as aulas são muito dinâmicas, muito aceleradas, afinal, são poucas sessões para muita matéria!

Por fim, nós dois estamos muito satisfeitos com as nossas escolhas, o importante na hora de optar por uma modalidade de mestrado é encaixar o perfil do curso com os seus interesses.

Mais conteúdo sobre:

Full-timeLLMMBAPart-time