UNE consegue posse definitiva de terreno de sede no Rio

Tribunal de Justiça negou apelação de estacionamento irregular que havia invadido o terreno na década de 80

28 Maio 2009 | 19h44

A União Nacional dos Estudantes (UNE) e da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) conseguiram nesta quinta-feira, 28, posse definitiva do terreno que abriga sua sede histórica na Praia do Flamengo, Rio de Janeiro. O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro negou, por unanimidade, a apelação de um estacionamento irregular que havia invadido o terreno.

 

Veja também:

link UNE e UBES fazem ações por reconstrução de sede histórica

 

A sede funcionou até 1964, quando foi incendiada a mando do governo militar e demolida em 1980. Depois disso, o local foi invadido por um estacionamento clandestino, na década de 1980. A disputa judicial pelo terreno já durava 10 anos.

Mais conteúdo sobre:
pontoedu UNE UBES educação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.