SP terá maior concurso para juiz da história

No domingo, 17.852 candidatos de todo o País disputarão 193 vagas na magistratura paulista

Felipe Mortara, Estadão.edu

10 Março 2011 | 17h50

No próximo domingo será realizado o concurso de magistratura com o maior número de inscritos na história do Estado de São Paulo: 17.852 candidatos disputam as 193 vagas de juiz substituto. O Tribunal de Justiça (TJ) paulista é a maior corte estadual das Américas, com cerca de 360 desembargadores e mais de 2.100 juízes de primeira instância. A prova começa às 9 horas, no câmpus da Uninove na Barra Funda, e os candidatos poderão deixar a sala levando apenas o gabarito. 

 

Trata-se ainda do primeiro concurso aplicado de acordo com a Resolução 75 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que unificou os exames de magistratura em todo o País. A partir de agora, a prova passa a cobrar noções gerais de direito e formação humanística incluindo ética, filosofia, sociologia, ciências políticas e psicologia jurídica.

 

“Este é o momento de tirar as últimas dúvidas, de poder ter aquela dica que faz a diferença na hora da prova. Quando o aluno fica recluso, estudando sozinho em casa na véspera da prova, acaba por acumular um estresse que pode atrapalhá-lo. Em contato com outras pessoas que estão na mesma situação que ele, o candidato relaxa e consegue assimilar melhor o conteúdo”, diz o professor Marco Antônio Araújo Júnior, diretor pedagógico do cursinho LFG.

 

Na véspera da última prova do Exame da OAB, no dia 13 de fevereiro, o LFG criou uma hashtag em que professores deram dicas finais sobre suas matérias no Twitter, chegando inclusive aos Trending Topics. Neste sábado, a partir das 15h15, professores se revezarão no site do cursinho para tirar dúvidas dos candidatos.

Mais conteúdo sobre:
Concurso Direito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.