Sisu já tem mais de 900 mil inscrições efetivadas, diz MEC

Sistema utilizado para preencher vagas no ensino superior recebe inscrições até 6ª-feira

Estadão.edu

12 Junho 2013 | 15h16

Mais de 938 mil estudantes já efetuaram a inscrição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), de acordo com o último balanço divulgado pelo Ministério da Educação (MEC). Nesta segunda edição de 2013, o estudante pode fazer até duas opções de curso e concorrer a quase 40 mil vagas, oferecidas por 54 instituições de ensino superior públicas. O prazo para inscrição, iniciado no dia 10 de junho se encerra nesta sexta-feira (14).

Tire suas dúvidas sobre o Sisu e se inscreva no sistema

No momento da inscrição, o estudante tem de especificar, pela ordem de preferência, os cursos a que pretende concorrer e de que forma — por meio de cotas, de outras políticas afirmativas adotadas pelas instituições ou pela ampla concorrência. Ao longo do período de inscrições, o aluno poderá alterar ou cancelar as opções feitas.

A primeira chamada com o resultado dos selecionados está prevista para sair no dia 17. Os convocados devem providenciar a matrícula nos dias 21, 24 e 25. A segunda chamada será divulgada no dia 1º de julho, com matrícula prevista dis dias 5 a 9 de julho.

Os estudantes que não forem selecionados nas duas primeiras convocações podem aderir à lista de espera. As instituições de ensino participantes do Sisu usam essa lista para convocar candidatos a vagas remanescentes.

Sobre o sistema

O Sisu seleciona estudantes com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Ao longo do período de inscrições, a classificação parcial e a nota de corte dos candidatos serão divulgadas on-line, diariamente para consulta a qualquer hora do dia. No próprio sistema, o estudante pode tirar dúvidas sobre notas de corte, datas das chamadas, período de matrículas nas instituições, resultados e lista de espera.

(com informações do Portal do MEC)

CORRIGIDA ÀS 16H30

 

Mais conteúdo sobre:
Sisu MEC Enem Vestibular

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.