Sindicato afirma ter R$ 35 mil para pagar fianças

Sintusp garante ter recolhido dinheiro com central, mas acredita que secretário vai liberar alunos sem necessidade de pagamento

Carlos Lordelo, do Estadão.edu,

08 Novembro 2011 | 17h26

O diretor do Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp) Magno de Carvalho disse que a entidade já tem R$ 35 mil para pagar a fiança dos 70 estudantes da USP detidos no 91º Distrito. Ele afirmou que o dinheiro foi arrecadado com a central sindical CSP-Conlutas, à qual o sindicato é filiado.

A fiança de cada estudante foi fixada em 1 salário mínimo, ou R$ 545. Se todos os alunos saírem sob pagamento de 1 mínimo, o montante necessário chegará a R$ 38,1 mil.

Apesar de afirmar que já dispõe do dinheiro, Carvalho disse que não pretende usá-lo. O Sintusp espera que os alounos consigam um habeas-corpus ou sejam liberados por decisão da Secretaria da Segurança.

Pela manhã, Carvalho tinha defendido a revogação do convênio que permite à PM policiar o câmpus. “Tenho muito mais medo da polícia do que de assaltantes. A polícia são os bandidos de farda”, disse. “Tem uma quadrilha especializada em roubar o patrimônio da USP, recentemente levaram vários computadores de uma unidade. Mas disso ninguém fala.”

Mais conteúdo sobre:
usp

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.