1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

MEC e FNDE pagarão repasses e recompras do Fies em 12 parcelas, dizem empresas

- Atualizado: 06 Janeiro 2016 | 22h 26

Neste ano também será pago 1/4 dos encargos educacionais remanescentes de 2015 devidos às instituições de ensino superior

RIO DE JANEIRO - Os pagamentos de repasses e recompras de créditos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) serão feitos em 12 parcelas em 2016, informaram as empresas de educação nesta quarta-feira, 6, com base em documentos fornecidos pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Neste ano também será pago um quarto dos encargos educacionais remanescentes de 2015 devidos às instituições de ensino superior com mais de 20 mil alunos matriculados pelo Fies até 30 de junho. Este pagamento é feito por meio de repasse de Certificado Financeiro do Tesouro – Série E (CFT-E).

Kroton, Estácio e Anima Educação enviaram comunicados ao mercado nesta quarta-feira informando o cronograma. O MEC e o FNDE não foram localizados imediatamente para confirmar os pagamentos.

No final de dezembro, o presidente da Estácio, Rogério Melzi, disse que os pagamentos do governos tendiam a se regularizar.

As novas normas do Fies, anunciadas no fim de 2014, estabeleceram pagamento do governo federal às instituições de ensino pelos créditos do programa em intervalos mínimos de 45 dias, ante 30 dias anteriormente.

Nesta quarta-feira, as ações da Estácio subiram 8,5 por cento, após caírem 11 por cento na véspera. As da Kroton ganharam 1,85 por cento, tendo caído 2,64 por cento na terça-feira.

 

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EducaçãoX