1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Macmillan investe em portal de videoaulas brasileiro

Estadão.edu

06 Fevereiro 2013 | 01h 03

Veduca recebe aporte de gigante do mercado editorial de olho na nova versão da plataforma

O portal de educação Veduca, que reúne cerca de 5,3 mil videoaulas de algumas das melhores universidades do mundo, receberá um aporte de R$ 1,5 milhão do grupo editorial Macmillan e dos fundos de investimento Mountain do Brasil e 500 Startups.

 

O investimento marca a entrada da Macmillan no setor de educação a distância na América Latina, diz o sócio-fundador do Veduca Carlos Souza, de 32 anos. As videoaulas podem ser vistas no endereço www.veduca.com.br.

 

Para o executivo, a parceria com o grupo editorial "confere credibilidade e abre oportunidades" para o Veduca. "Facilita o contato com instituições de ensino superior de fora do País que já são clientes da Macmillan."

 

Este meio de campo será fundamental para o Veduca. A partir de março, quando a empresa completa seu primeiro aniversário, o portal vai oferecer cursos com certificação elaborados em conjunto com professores universitários. "Além das aulas, o aluno terá uma série de recursos para testar conhecimentos, como quizzes e fóruns de discussão", afirma Souza.

 

A mudança será acompanhada por uma repaginada no visual do site. Hoje o Veduca tem aulas de 14 instituições, entre elas as americanas Harvard e Stanford e as três universidades estaduais paulistas (USP, Unesp e Unicamp). O portal também reúne palestras gravadas em conferências do TED.

 

Os 251 cursos online e gratuitos disponíveis atualmente estão organizados em 21 áreas do conhecimento que cobrem toda a gama de assuntos do ensino superior. Até o momento, 300 vídeos já foram legendados para o português por uma equipe de tradutores e colaboradores voluntários. "Qualquer pessoa que saiba inglês pode ajudar", diz Souza.

 

O portal já registrou 1,3 milhão de visitantes. "Queremos democratizar o acesso à educação de alta qualidade no Brasil."