Greve faz Inep dispensar do Enade formandos de federais

Coordenadores de curso que já fizeram a inscrição dos alunos devem acessar o sistema do Enade para retirar os nomes.

Agência Brasil,

29 Agosto 2012 | 19h56

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) decidiu dispensar do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) os alunos que se formariam em agosto de 2012. A medida vale apenas para os estudantes das universidades e institutos federais e foi tomada em função da greve dos professores que irá atrasar a conclusão do semestre letivo e, consequentemente, a conclusão de curso desses alunos.

Os coordenadores de curso que já tenham efetuado a inscrição dos alunos enquadrados nessa situação deverão acessar o sistema do Enade para retirar os nomes. A inscrição no exame é responsabilidade das instituições de ensino e a lista dos inscritos já está disponível para consulta no site do Inep.

O Enade é aplicado anualmente pelo Inep a estudantes concluintes de cursos superiores de universidades públicas e particulares. O objetivo é medir a qualidade do ensino oferecido pelas instituições. A participação no exame é obrigatória, e quem não comparece à prova fica sem o diploma.

Mais conteúdo sobre:
enade federais greve

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.