Estudantes ocupam escola contra reforma do ensino em Sorocaba

Direção da Escola Estadual Professor Jorge Madureira disse que aulas não foram prejudicadas; alunos montaram barracas no pátio

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

11 Novembro 2016 | 17h37

SOROCABA - Cerca de 50 estudantes ocuparam nesta sexta-feira, 11, uma escola estadual em protesto contra a proposta de reforma do ensino do governo federal e a figura jurídica que autoriza a reintegração de posse sem mandado judicial, em Sorocaba, interior de São Paulo. 

A direção da Escola Estadual Professor Jorge Madureira, no bairro Jardim Guaíba, informou que, apesar da ocupação as aulas não foram prejudicadas. 

 

 

O grupo conversou com os funcionários da escola e entrou no prédio pacificamente. Eles pretendem permanecer nas dependências durante o feriado prolongado de 15 de novembro. 

Os ocupantes fazem parte do Novo Comando Estudantil, integrado principalmente por estudantes secundaristas. Eles montaram barracas no pátio da escola. A Polícia Militar esteve no estabelecimento, mas não interveio na ocupação.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo Polícia Militar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.