AMANDA PEROBELLI|ESTADÃO
AMANDA PEROBELLI|ESTADÃO

Enem terá 30 minutos a mais para provas de Matemática e Ciências da Natureza

Ministério da Educação divulgou cronograma com datas do exame; inscrição deve ser feita entre os dias  7 e 18 de maior

Juliana Diógenes e Isabela Palhares, O Estado de S.Paulo

21 Março 2018 | 10h18

SÃO PAULO - Candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 terão meia hora a mais para fazer as provas de Matemática e Ciências da Natureza no segundo dia. A aplicação terá cinco horas de duração, com início às 13h30. As informações foram publicadas em edital lançado pelo Ministério da Educação (MEC) no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira, 21.

As provas de Ciências da Natureza e Matemática serão aplicadas no dia 11 de novembro. Novamente, as provas do Enem serão aplicadas em dois domingos. No dia 4, primeiro dia do exame, os candidatos resolverão as questões de Linguagens e Ciências Humanas, além da redação.

Também foi divulgado o cronograma com as demais datas para o exame. Entre os dias 7 e 18 de maio, o candidato deverá fazer a inscrição. O pagamento da taxa de inscrição deve ser feito entre os dias 7 e 23 de maio

Outra alteração no edital deste ano é que a solicitação de isenção passa a ser feita antes da inscrição, o pedido deve ser feito entre os dias 2 e 11 de abril e, após sua aprovação, o candidato terá de fazer a inscrição no mesmo período dos demais. A mudança foi feita para combater fraudes. 

O participante que foi isento da taxa de inscrição do Enem 2017 e não compareceu às provas nos dois dias de aplicação, mas deseja solicitar isenção da taxa de inscrição para o Enem 2018, deverá justificar a ausência entre os dias 2 e 11 de abril.

A justificativa de ausência daqueles que obtiveram isenção é uma tentativa do MEC de combater o "desperdício" de recursos. Segundo o ministério, nos últimos cinco anos os ausentes geraram uma perda de R$ 962 milhões ao governo. 

No ano passado, dos 2 milhões de ausentes, 83,8% eram isentos da taxa. O MEC calcula que as ausências geraram um prejuízo de R$ 176,5 milhões apenas na edição de 2017.

Têm direito à isenção na taxa de inscrição os alunos que estão cursando o 3º ano do ensino médio na rede pública de ensino; os que cursaram todo o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral na rede privada e tenham renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio; tenha participado do Encceja 2017 para pessoas privadas de liberdade ou no exterior; ou declare estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda.

Para os que precisam solicitar atendimento pelo nome social, devem fazer entre 28 de maio e 3 de junho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.