Câmara aprova meia entrada para professores da rede municipal em São Paulo

Projeto, de autoria do vereador Eliseu Gabriel, visa ao 'aprimoramento cultural' da categoria

Jornal da Tarde

15 Setembro 2011 | 15h36

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quarta-feira, 14, projeto de lei que cria a meia entrada para os cerca de 20 mil professores da rede municipal de ensino em eventos que possam gerar “aprimoramento cultural” na categoria.

O PL 313/2007 foi aprovado em segunda votação e é de autoria do vereador Eliseu Gabriel (PSB). Agora, precisa agora ser sancionado pelo prefeito Gilberto Kassab (sem partido).

Os vereadores também aprovaram um projeto do Executivo que reajusta em 20% o abono concedido para docentes que ocupam cargos de gestores em suas unidades.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.