“O MEC adverte : estudar fisiopatologia pode trazer prejuízos à sua saúde”

Estadão

18 Outubro 2010 | 08h01

Sabe, se isso estivesse escrito na capa dos livros de fisiopatologia, eu continuaria sendo uma pessoa normal e, com certeza, teria muito menos consultas médicas em meu currículo!

Não sei se essas coisas acontecem com vocês também, mas, além de esquecer qual era a palavra que inicialmente estava procurando no dicionário, eu sempre tenho que fazer uma super preparação psicológica antes de estudar os mecanismos de qualquer doença. Tenho esse distúrbio desde a faculdade, inacreditavelmente consigo encaixar-me em todos os sinais e sintomas … do Alzheimer a Cirrose!

Quer saber, vamos fazer um teste! Estou lendo sobre DDA, a saber, o DDA é o distúrbio do déficit de atenção. Caracterizado, principalmente, pela incapacidade de prestar atenção por um período de tempo. O cérebro dos DDAs trabalha de maneira muito mais rápida do que a maioria dos outros e, frequentemente, as pessoas com esse distúrbio são tidas como estabanadas, esquecidas, distraídas, surdas, viventes do mundo da lua, entre outras pérolas. Já está querendo assinar aqui embaixo? Espera só pela lista de sintomas:

(  ) Dificuldade em permanecer sentado por muito tempo;
(  ) Distração fácil diante de estímulos externos;
(  ) Deixar escapar impulsivamente as respostas antes que as perguntas sejam concluídas;
(  ) Dificuldade para seguir instruções de outros (mesmo quando as compreende);
(  ) Dificuldade em brincar com tranqüilidade;
(  ) Perda de objetos necessários para tarefas ou atividades do trabalho ou em casa
(Professora, o cachorro comeu minha tese de mestrado!)
(  ) Mudança de tarefa antes do término da antecedente;
(  ) Envolvimento em atividades físicas perigosas, sem levar em conta as possíveis
consequências ;


Confessem! Vocês também assinalaram pelo menos umas cinco dessas características acima, não?! Mas, fiquem tranqüilos, antes de marcarem uma consultinha, com base em minha própria experiência, digo que daqui uns 15 minutos vocês já não se lembrarão de três deles. Mas, caso estejam curiosos… estou na letra M do dicionário, precisamente em
MACRÓSTICO. Então, por hoje é só.

Mariana é enfermeira e pós-graduanda da USP

Mais conteúdo sobre:

Mariana Marques