As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Socióloga vai presidir projeto de igualdade de gêneros na USP

Luiz Fernando Toledo

22 Dezembro 2015 | 07h00

A socióloga e professora da Universidade de São Paulo (USP) Eva Alterman Blay será a responsável por coordenar um programa de luta pela igualdade de gêneros na instituição. O USP Mulheres foi criado neste ano pela instituição com a promessa de realizar a “coordenação do relacionamento entre a administração da universidade e a comunidade universitária e pela proposição e implementação de iniciativas e projetos voltados para a igualdade de gêneros.

Eva é doutora em Sociologia pela USP e tem pós doutorado na École dês Hautes Études en Sciences Sociales, em Paris. Foi senadora entre dezembro de 1992 e janeiro de 1995, como suplente do então senador Fernando Henrique Cardozo, que assumiria o Ministério das Relações Exteriores no governo Itamar Franco.

O grupo havia sido anunciado em junho pela USP, mas não avançou, já que a médica Lilia Blima Schraiber, que havia sido nomeada pelo reitor Marco Antonio Zago para presidir o escritório do grupo, desistiu do posto.