As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Será que todos conseguem se inscrever no Sisu?

Redação

01 Fevereiro 2010 | 20h16

Por Paulo Saldaña

O Ministério da Educação (MEC) diz que sim: todos os estudantes conseguirão se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O site apresentou falhas e deixou muita gente desesperada. Mesmo assim, o ministério se mantém confiante e não alterou o prazo de inscrição – que se encerra na quarta-feira, dia 3.

Se levarmos em conta os cerca de 2,5 milhões de participantes do Enem, o número de inscritos é muito pequeno. Pouco antes das 19h, o sistema computava 482 mil inscrições – acompanhadas de um uma avalanche de reclamações e dúvidas.

O MEC, entrentanto, não espera que todos se inscrevam – é o caso, por exemplo, de quem usará a nota para tentar uma bolsa no ProUni ou para certificação no ensino médio. A confiança do Ministério vem, inclusive, da comparação com o próprio ProUni. O programa de bolsas do governo federal já matriculou, em seu maior processo, 850 mil inscritos. Isso em um universo de 150 mil vagas ofertadas.

Já no Sisu, o número de vagas é bem menor: 47.913. Não há meta de inscrições, mas a expectativa do MEC é de que não chegue a 600 mil.

No twitter e também nos comentários aqui do blog, a impressão do alunos é de que não vai dar tempo. Depois dos problemas, o Ministério anunciou que a ordem de inscrição não será mais critério de desempate.