As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Parte dos estudantes desconhece as possibilidades da nota do Enem

Redação Estadão.edu

03 Novembro 2012 | 13h09

* Por Davi Lira, de O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO – Para alguns estudantes que estão realizando o primeiro dia de provas do Enem na Uninove Barra Funda, as possibilidades do uso do da nota obtida no exame é praticamente desconhecida. Nem passa pela cabeça de muitos que o Enem, além de ser utilizado para a concessão de crédito estudantil (FIES), como requisito de seleção para programa de bolsas no exterior (Ciências Sem Fronteiras) e muito menos que com a nota também é possível acessar muitas universidades públicas Brasil a fora, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) até a Universidade Federal do Amazonas (UFAM).

“Não, não sei, nunca ouvi falar. Pra mim o Enem só serve para o ProUni“, afirma a estudante Aline Ribeiro, de 24 anos. A jovem só tem uma preocupação na cabeça: “Eu quero fazer Administração de Recurso Humanos em alguma universidade privada, daqui de São Paulo mesmo”. Para Leonardo Antônio, de 17 anos, também não sabe das possibilidades do uso da nota do Enem. “Eu nem sabia que eu podia utilizar a nota para tanta coisa. Para mim, fazer Propaganda e Marketing em alguma particular daqui de São Paulo já é suficiente”. Para Bruno Lacerda, de 20 anos, que já concluiu o ensino médio,  sua única meta é utilizar a nota para o ProUni. “Eu quero muito fazer Artes Visuais, mas não sei onde. O que eu quero é apenas a oportunidade, o resto não é problema”, diz o jovem, nascido em Araçatuba, no interior do Estado, e recém chegado na capital.