As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

No último dia, Fuvest cobra história do Brasil

Redação

11 Janeiro 2011 | 15h10

Edson Umberto, de 45 anos, foi o primeiro candidato da Fuvest a deixar o prédio da Faculdade de Educação da USP nesta terça-feira. O funcionário da USP, que trabalha na pró-reitoria de pós-graduação, concorre a uma vaga em Educomunicação. “Achei as questões de hoje bem mais fáceis que a de ontem”, disse.

Segundo o candidato, na prova desta terça-feira a prova apresentou questões de História do Brasil. professores de cursinho haviam criticada a ausência do tema na prova do 2º dia. Foram cobrados temas relacionados aos bandeirantes, à Guerra do Paraguai e ao Golpe Militar de 1964.

(Carlos Lordelo, de São Paulo)

Mais conteúdo sobre:

Brasilfuvesthitóriauspvestibular